fbpx

Se fôssemos fazer uma lista com os pecados capitais do concurseiro, procrastinar com certeza estaria entre eles!

Afinal, sabemos que a preparação para as provas é realmente exaustiva.

E que, muitas vezes, é grande a tentação de deixar para depois aquela leitura complexa ou aquele simulado extenso.  

E quando falamos em procrastinação, não nos referimos aos momentos de folga que precisam ser previstos no seu cronograma – estes são fundamentais!

Mas, sim, àquela velha “enrolação” que conhecemos muito bem. Quando até lavar a louça parece mais interessante que os estudos.

Mas, calma! Mesmo nos dias em que sua energia está mais baixa, é possível combater esse mau hábito.

Conheça no artigo de hoje algumas ações que vão lhe ajudar a entender como parar de procrastinar e estudar para o concurso público.

Afinal, o seu objetivo maior depende do seu foco no aprendizado!

 

Veja 11 dicas para não procrastinar:

 

1 – Assuma a responsabilidade por suas ações

 

dúvidasIsso mesmo! Quando entendemos que somos os maiores (ou únicos) responsáveis por nossos fracassos e sucessos, começamos a ter mais controle sobre nossas vidas.

E, assim, também passamos a ter mais vontade de fazer as coisas acontecerem.

Tenha em mente que, por mais que outras pessoas (amigos, familiares, professores, etc) possam nos ajudar no caminho, apenas nós mesmos podemos mudar o que nos incomoda e dar novos rumos ao nosso destino.

Então, chega de desculpas, de colocar essa responsabilidade na mão de terceiros.

Ou esperar que tudo esteja perfeito para começar a se movimentar rumo aos seus objetivos.

Temos que ser sinceros: se ficar parado enquanto as coisas não estão 100% ou esperando que alguém as resolva magicamente por você, nada vai para frente.

Dessa forma, se seu objetivo é passar em um concurso público, apenas você, e mais ninguém, pode dar aquele passo para iniciar a preparação e se manter focado até a aprovação.

Não é fácil, mas só você pode se responsabilizar por esse movimento.

 

2 –  Não se cobre tanto

 

Embora possa parecer uma contradição frente ao item anterior, na verdade é um complemento.

Da mesma forma que é importante se conscientizar da importância de assumir a responsabilidade pelos rumos da sua vida – e parar de deixar pra lá o que é importante – você não deve ser um tirano com você mesmo.

Isso porque se cobrar em excesso ou se punir quando as coisas não saem exatamente como o planejado pode não funcionar como um estímulo. Ao contrário, essas atitudes negativas para com você mesmo podem criar um círculo vicioso de baixa autoestima que vai fazer tudo patinar na sua vida.

Ou seja, até para parar de procrastinar o segredo é equilíbrio. Se algo não deu certo, deixe pra lá!

Recomece, faça mais uma tentativa. Os estudos para o concurso não estão rendendo como deveriam?

Tente mudar seu cronograma. Está cansado demais? Tire um tempo para si ou para o lazer. Não há problema algum nisso.  

Com certeza esse comportamento positivo vai fazer com que você se sinta mais motivado quando retomar a atividade em questão. E mais empolgado para colocar em prática projetos, ideias e planos que estão engavetados.

 

3 – Aprenda a valorizar-se

 

Podemos dizer, ainda, que parar de procrastinar passa por reconhecer o seu valor.

Afinal, quando você sai da sua zona de conforto está apostando no seu desenvolvimento, seja na carreira ou na vida pessoal.

Assim também valoriza o seu tempo, ocupando-o com atividades que vão lhe levar além, como estudar para um concurso que há tempo gostaria de fazer e pode mudar sua vida.

Claro, todo mundo precisa de momentos de descontração e lazer.

Não estamos aqui para dizer o contrário!

É muito bom aproveitar o ócio, sozinho ou acompanhado.

Mas até para que esses momentos sejam mais apreciados, você precisa entender o quanto é valoroso empenhar-se em algo que vai lhe tornar um profissional e um ser humano melhor.

Pergunte-se: eu tenho orgulho do que tenho feito até agora? Se a resposta for sim, muito bem!

Você está no caminho certo.

No entanto, se a resposta for não ou não se, aí está o problema!

Você pode muito mais, não temos dúvidas, mas antes precisa aprender a valorizar-se.

 

4 – Descubra como ter autodisciplina

 

plan organizaçãoEstá aqui algo que é fundamental para parar de procrastinar e atingir suas metas na vida.

Autodisciplina é fazer o que é preciso, na hora que deve ser feito.

É centrar-se no que é importante e não sair do caminho até que obtenha os resultados desejados.

Isso está fortemente ligado a assumir a responsabilidade por suas ações e a valorizar-se.

Sendo assim, veja que uma coisa acaba naturalmente levando a outra, em um ciclo positivo e produtivo.

E para ter autodisciplina, o autoconhecimento é o primeiro passo.

Isso porque se você não se conhece, não tem claros seus hábitos, o que precisa manter e o que deve melhorar, acaba sendo soterrado por influências externas que minam seu foco.

E sugam a energia que deveria ser empregada no que realmente vai lhe aproximar dos objetivos.

Por isso, quando estiver estudando para o concurso, tente reduzir as distrações no entorno.

Evite ambientes barulhentos, esqueça o celular em uma gaveta e fique longe de redes sociais.

Com o tempo, isso se tornará um hábito, algo que você faz sem esforço algum, de forma disciplinada.

 

5 – Mantenha um rotina organizada

 

A partir da autodisciplina, também deve vir a organização.

Não há como ser produtivo em um ambiente caótico, ou com uma mente caótica.

Por isso, mantenha uma agenda ou caderno onde irá anotar tarefas a serem realizadas. Assim você terá clareza do que precisa ser feito.

Manter tudo apenas na cabeça é o primeiro passo para sobrecarregá-la e, assim, procrastinar.

Outra boa medida é não apenas anotar, mas dar prazos para cada tarefa.

De maneira geral, quando temos que cumprir um prazo, nossao cérebro funciona de maneira mais produtiva.

Além disso, ir riscando o que já foi feito pode ser um ótimo mecanismo de motivação, uma vez que fá aquela boa sensação de dever cumprido.

 

6 – Identifique o que te distrai

 

Bem importante para evitar a procrastinação é saber o que lhe distrai, que lhe tira o foco.

Na maioria das vezes, são as redes sociais as maiores vilãs.

Aquela olhada rápido no celular pode acaber se tornando 40 minutos de pausa não programada. Há quem se distraia com a janela, com o barulho dos vizinhos.

Nesse caso, mude de ambiente, se isole um pouco mais.

Se a culpa das suas distrações são os outros, deixe claro que aquele é seu momento de estudo e precisa de tranquilidade.

Às vezes é preciso ser um pouco mais incisivo para fazer a família entender, mas certamente em uma próxima vez você será respeitado.

Caso more com outras pessoas em um ambiente pequeno, onde não há como evitar a circulação, talvez a melhor opção seja estudar em uma biblioteca pública, um café ou um parque.

 

7 – Use ferramentas digitais

 

A tal agenda ou caderno que foi citado no item anterior pode, ainda, ser virtual. Há quem funcione muito melhor com tudo organizado no computador.

E não há problema algum! Diversas ferramentas podem ajudar nesse sentido, como o Google Agenda, por exemplo.

Existem também excelentes aplicativos que auxiliam na questão da produtividade, ajudando a manter o foco em uma atividade por um determinado período.

Um bom exemplo é o Forest, cujo objetivo é manter o usuário longe do smartphone — sempre uma grande distração!

Ele funciona como um joguinho em que quanto mais tempo você passa longe do aparelho, mais suas plantas crescem. E se você volta antes do tempo indicado, poderá ser punido.

É bem simples, mas dá resultados!

 

8 – Divida o seu tempo em pequenas tarefas

 

tempo jornadaDe maneira geral, as pessoas rendem mais quando fazem pequenas tarefas em vez de tarefas muito longas.

Avalie qual o seu padrão de desempenho e organize sua rotina de acordo.

Prefere tarefas de 15 minutos? Acha que 40 minutos de estudo é o tempo ideal? Teste opções e encontre o seu modelo ideal.

Você pode, por exemplo, estudar um capítulo de uma matéria difícil por semana. Nos outros dias você faz exercícios ou revisões.

Não precisa se forçar a ver aquele conteúdo maçante todo dia.

Assim, certamente, quando chegar a hora de estudar, sua vontade vai ser sair correndo toda vez.

 

9 – Recompense-se ao atingir metas

 

Pode parecer uma bobagem, mas esse hábito normalmente traz bons resultados quando levado a sério.

Estabeleça uma meta e, quando alcançá-la, se presenteie.

Não precisa começar com alvos audaciosos, mas pequenas coisas, como terminar um capítulo da apostila ou responder 20 questões do simulado.

Da mesma forma, os “prêmios” podem ser coisas simples: um episódio da sua série favorita, um sorvete, uma saída estendida no fim de semana.

O importante é que você não sabote a experiência e só se recompense se realmente finalizar o que foi determinado. Esses agrados a si mesmo podem ser muito motivadores e até divertidos.

 

10 – Leia livros sobre o assunto

 

Alguns livros podem ser muito úteis para aprender como não procrastinar e encontrar inspiração para chegar até seus objetivos. Com mais essa forcinha, estamos certos de que você vai agilizar sua aprovação no concurso ou atingir sua meta, seja ela qual for.

 

 

 

Como vencer o medo e se tornar uma pessoa de ação

Autor: Steve Allen

A obra traz uma série de questionamentos sobre atitudes que nos fazem procrastinar mudanças em nossas vidas. A partir deles, explica como fatores psicológicos atuam nesse tipo de comportamento e como é possível mudar hábitos e padrões de pensamento para deixar de ser um procrastinador. Também disponível no formato e-book.

 

Mindset: a nova psicologia do sucesso

Autora: Carol Dweck

A autora é professora de psicologia especialista em motivação e, na obra, traz os resultados de seus muitos anos de pesquisa sobre a atitude mental como ferramenta para o sucesso. Para ela, o atingimento de metas depende do chamado mindset, que define como nos relacionamos com o trabalho e até nossa vida pessoal. Também disponível no formato e-book.

 

Você não pode deixar tudo para depois

Autor: Jeffery Combs

Para o autor, que se identifica como um procrastinador em recuperação, a procrastinação é uma epidemia a ser combatida. Na obra, ele aborda as raízes do problema e os tipos de procrastinadores, estratégias e técnicas para solucionar o problema, além de exemplos da vida real de pessoas que conseguiram vencer os maus hábitos e atingir seus objetivos com mais facilidade. Também disponível no formato e-book.

 

11 – Veja filmes inspiradores

 

Assim como os livros, os filmes podem ser uma boa ferramenta de motivação em momentos de baixa energia ou que a caminhada parece improdutiva.

Confira algumas opções bastante conhecidas e acessíveis:

 

 

À procura da felicidade

Um clássico motivacional, mas que também emociona. Baseado em fatos reais, o filme mostra a história de um vendedor abandonado pela mulher que passa a morar na rua com o filho pequeno. A obra conta a trajetória dele até conseguir mudar a realidade em que vivia, não sem altos e baixos e muita, muita força de vontade.

 

Gênio indomável

Esse filme é para quem tem talento, mas está sempre se autosabotando, negligenciando suas oportunidades e se achando indigno de obter êxito. Conta a história de um jovem problemático que é um gênio da matemática e um analista que tenta ajudá-lo a descobrir seu próprio valor e as possibilidades que se abrirão a partir disso.

 

Sem limites

O filme conta a vida de um escritor que é um procrastinador de carteirinha até conhecer uma substância nova que faz tudo mudar. Apesar do enredo controverso, atenha-se à parte da história que trata de levantar da cadeira e começar a fazer tudo aquilo que vai levá-lo até o que você mais deseja. A obra propõe, justamente, um questionamento sobre tudo que poderíamos estar fazendo da vida e não fazemos por preguiça ou medo.

 

Enfim, se você é um procrastinador…

Saiba que não está sozinho!

Muitas pessoas têm o mau hábito de procrastinar, de forma crônica ou esporádica.

 

E isso, no fim das contas, faz com que o assunto seja recorrente e sempre apareçam novas dicas e técnicas para ajudar quem tem a mania do “vou deixar para amanhã”.

Acreditamos que se você seguir as orientações deste artigo já estará dando um passo gigante para parar de atrasar seus sonhos.

Por isso, mãos à obra!

Nós do Próximos Concursos confiamos no seu potencial e queremos lhe ajudar a tornar a caminhada até a aprovação mais fácil e prazerosa.

 

Caso queira aprofundar no tema, fizemos um vídeo especial sobre o assunto:

 

Aproveite para conferir nossas redes sociais e acessar ainda mais conteúdo de qualidade, notícias e dicas inspiradoras.

Estamos no Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.

Bons estudos e conte com a gente!