Concurso Técnico MPU

Manual do Concurso de Técnico do MPU

 

O concurso do Ministério Público da União, além de oferecer um dos maiores salários para cargos de Nível Médio, no caso do cargo de Técnico do MPU, também oferece diversos benefícios de carreira, além da possibilidade de progressão funcional e da estabilidade.

Sendo, portanto, um dos concursos mais importantes e, é claro, mais concorridos do país.

Apesar de exigir apenas Nível Médio, o candidato que pretende prestar este concurso deve estar bem preparado, pois a prova é considerada uma das mais difíceis também.

O último concurso do MPU com vagas para o cargo de Técnico foi realizado em 2018 e recentemente foi convocada uma leva de servidores.

Agora veremos informações importantes sobre a carreira de Técnico do MPU, como salários, benefícios, jornada de trabalho, lotação inicial e possibilidade de remoção, crescimento dentro da carreira, como é o trabalho e especificidades da carreira.

Para saber tudo sobre a carreira e sobre o concurso para Técnico do MPU , continue lendo o artigo abaixo.

Quais as principais atribuições de um Técnico do MPU?

Ao prestar o concurso de Técnico do MPU, o candidato poderá ser chamado em qualquer unidade administrativa do Ministério Público Federal, Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, Ministério Público Militar e Ministério Público do Trabalho.

As atribuições comuns a todas as especialidades do cargo de técnico do MPU incluem o trabalho de auxílio dos membros e das chefias dentro ou fora da sede de trabalho, em diversas tarefas como: processos judiciais e administrativos; procedimentos extrajudiciais; eventos oficiais, audiências e diligências; elaboração e análise de informações, declarações, certidões, relatórios e demais documentos necessários; atuar na gestão de contratos, quando solicitado; participação de reuniões, além de grupos de trabalho; atender público interno e externo; orientar ou supervisionar aprendizes; utilizar sistemas de informação corporativos etc.

Além disso, há também as atividades relacionadas a cada área e especialidade específica oferecida pelo cargo almejado.

Apesar de exigir apenas Nível Médio, as vagas são distribuídas por área de atividade e especialidade. Dentre as áreas de atividade estão apoio técnico administrativo e saúde.

Sendo que dentro destas áreas, estão, por exemplo, as especialidades de controle interno, edificação e tecnologia da informação e comunicação, na primeira; e enfermagem, saúde bucal e laboratório, na segunda.

Algumas dessas especialidades podem exigir também cursos técnicos (como é o caso da especialidade de edificação), habilitação “D” ou “E” e curso na área de segurança com habilitação para manuseio de arma (no caso da especialidade de segurança e transporte institucional).

 

Qual o salário de um Técnico do MPU?

 

O salário é, sem dúvidas, um dos grandes atrativos desse concurso, sobretudo se considerarmos o fato de que o cargo é de Nível Médio.

De acordo com o último reajuste, realizado em janeiro de 2019, a remuneração inicial do cargo de Técnico é de R$7.591,37 — acrescido dos devidos benefícios.

Quais são os benefícios?

 

Outro grande atrativo deste concurso são os benefícios que ele oferece.

  • Auxílio-alimentação próximo de R$ 900,00;
  • Auxílio-transporte, cujo valor vaira de acordo com a localidade;
  • Assistência pré-escolar no valor de R$ 699,00.
  • Adicional de qualificação de 1% a 12,5%, (de treinamento a doutorado);
  • Funções gratificadas e cargos em comissão a partir de R$ 600,00.

 

Qual a jornada de trabalho?

 

tempo jornadaA jornada de trabalho do Técnico do MPU é de 40 horas semanais. No entanto, o MPU oferece horário especial para quem estuda.

 

Qual a lotação?

 

Os candidatos com as melhores classificações serão convocados para trabalhar nas unidades administrativas de qualquer um dos ramos do Ministério Público da União (Ministério Público Federal, Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, Ministério Público Militar e Ministério Público do Trabalho), dentro da UF da vaga a que concorreu.

Uma das poucas desvantagens desse concurso, portanto, é que o candidato escolhe apenas a Unidade Federativa e a especialidade que quer concorrer, não podendo escolher em qual dos ramos quer trabalhar.

Além da possibilidade de precisar mudar de cidade, para tomar posse do cargo.

Depois da lotação, o candidato deverá obrigatoriamente permanecer na mesma unidade administrativa por um período mínimo de 3 anos, só podendo participar do processo de remoção após esse período.

 

Qual a possibilidade de crescimento?

 

Os servidores do MPU se movimentam na carreira em 13 padrões e 13 classes. O desenvolvimento ocorre mediante progressão funcional e promoção.

A progressão funcional é a movimentação do servidor de um padrão para o seguinte dentro de uma mesma classe, no período mínimo de um ano, de acordo com os critérios fixados em regulamento e com o resultado de avaliação formal de desempenho.

A promoção é a movimentação do servidor do último padrão de uma classe para o primeiro padrão da classe seguinte, no período mínimo de um ano em relação à progressão funcional imediatamente anterior, dependendo, cumulativamente, do resultado de avaliação formal de desempenho e da participação em curso de aperfeiçoamento ou em ação ou programa de capacitação oferecidos, preferencialmente, pelo órgão, na forma prevista em regulamento.

 

Como foi a concorrência no último concurso?

 

O último concurso do MPU teve resultados divulgados no final de 2018, quando foram ofertadas 47 vagas imediatas para analistas e técnicos, mais cadastro de reserva.

Houve um total de 264.924 inscritos, ou seja, uma média geral de 5.636 candidatos por vaga.

O cargo de Analista em Direito teve um total de 73.879  inscritos para 36 vagas — média de 2.052 candidatos por vaga.

Já o cargo de Técnico de Administração teve  191.045 inscritos para 11 vagas — média de impressionantes 17.367  candidatos por vaga.

Além disso, foram mais de 7 mil aprovados em todo o país para o cadastro de reserva.

No concurso realizado em 2015, foram inscritos cerca de 12 mil candidatos para as 21 vagas de Técnico, ou seja, uma relação de cerca de 570 candidatos por vaga. Apesar disso, o número de candidatos convocados foi muito maior.

São números realmente altos, como sempre em se tratando do MPU.

Como é a prova de Técnico do MPU?

 

provaO último edital do MPU contou com prova objetiva de 120 questões do tipo certo e errado em Conhecimento Básicos (50 questões) e Conhecimentos Específicos (70 questões)

A prova de Conhecimentos Básicos versou sobre as seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa;
  • Acessibilidade;
  • Ética no Serviço Público;
  • Legislação aplicada ao  MPU e o CNMP.

 

No último concurso do MPU, as vagas de Técnico foram para a área da Administração.

 

A prova de Conhecimentos Específicos para Técnico de Administração do MPU contou com as seguintes disciplinas:

 

Provas anteriores Concurso MPU 

Edital anterior 2018 Concurso MPU

Edital anterior 2015 Concurso MPU

Edital anterior 2013 Concurso MPU

Qual o conteúdo programático?

Veja quais os tópicos solicitados no último edital do MPU nas provas de Conhecimentos Básicos, que foi comum a todos os cargos e áreas, e de Conhecimento Específicos para o cargo de Técnico na área da Administração. 

Conhecimentos Básicos 

Língua Portuguesa

Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados. Reconhecimento de  tipos e gêneros textuais. Domínio da ortografia oficial. Domínio dos mecanismos de coesão textual. Emprego de elementos de referenciação, substituição e repetição, de conectores e de outros elementos de  sequenciação textual. Emprego de tempos e modos verbais. Domínio da estrutura morfossintática do período. Emprego das classes de palavras. Relações de coordenação entre orações e entre termos da oração. Relações de subordinação entre orações e entre termos da oração. Emprego dos sinais de  pontuação. Concordância verbal e nominal. Regência verbal e nominal. Emprego do sinal indicativo de crase. Colocação dos pronomes átonos. Reescrita de frases e parágrafos do texto. Significação das palavras. Substituição de palavras ou de trechos de texto. Reorganização da estrutura de orações  e de períodos do texto. Reescrita de textos de diferentes gêneros e níveis de formalidade.

Acessibilidade

Lei nº 13.146/2015 e suas alterações (Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência  – Estatuto da Pessoa com Deficiência).

Ética no Serviço Público

Ética e moral. Ética, princípios e valores. Ética e democracia: exercício da  cidadania. Ética e função pública. Ética no Setor Público. Decreto nº 1.171/1994 e suas alterações  (Código de Ética Profissional do Serviço Público). Lei nº 8.112/1990 e suas alterações: regime disciplinar  (deveres e proibições, acumulação, responsabilidades, penalidades). Lei nº 8.429/1992 e suas alterações: das disposições gerais, dos atos de improbidade administrativa. Portaria PGR/MPU nº 98/2017 (Código de  Ética e de Conduta do Ministério Público da União e da Escola Superior do Ministério Público da União).

Legislação aplicada ao MPU e ao CNMP

Ministério  Público da União.   Lei Complementar nº 75/1993 (Lei Orgânica do Ministério Público da União). Perfil constitucional do Ministério Público e  suas funções institucionais. Conceito. Princípios institucionais. A autonomia funcional e administrativa. A iniciativa  legislativa. A elaboração da proposta orçamentária. Os vários Ministérios Públicos. O Procurador‐Geral da República: requisitos para a investidura e procedimento de  destituição. Os demais Procuradores‐Gerais. Membros: ingresso na carreira, promoção, aposentadoria, garantias, prerrogativas e vedação. Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Composição.Atribuições constitucionais.
  

Conhecimentos Específicos 

<span>Noções de Direito Administrativo</span>

Noções de organização administrativa. Administração direta e  indireta, centralizada e descentralizada. Ato administrativo: conceito, requisitos, atributos, classificação e  espécies. Processo administrativo. Agentes públicos. Espécies e classificação. Cargo, emprego e função públicos. Poderes administrativos. Hierárquico, disciplinar, regulamentar e de polícia. Uso e  abuso do poder. Lei nº 8.666/1993 e suas alterações. Lei nº 10.520/2002 e suas alterações e Decreto nº 5.450/2005 e suas alterações. Decreto nº 7.892/2013 e suas alterações. Controle e responsabilização da  administração. Controles administrativo, judicial e legislativo. Responsabilidade civil do Estado. Lei nº 8.112/1990 e suas alterações.

<span>Noções de Direito Constitucional</span>

Constituição  da República Federativa  do Brasil de 1988. Princípios fundamentais. Direitos e garantias fundamentais. Direitos e deveres individuais e coletivos,  direitos sociais, nacionalidade, cidadania, direitos políticos, partidos políticos. Organização político‐ administrativa.  União, estados, Distrito Federal, municípios e territórios. Administração pública. Disposições gerais, servidores públicos. Poder Legislativo. Congresso Nacional, Câmara dos Deputados,  Senado Federal, deputados e senadores. Poder Executivo. Atribuições do presidente da República e dos ministros de Estado. Poder Judiciário. Disposições gerais. Órgãos do Poder Judiciário.   Competências. Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Composição e competências. Funções essenciais à justiça. Ministério Público, Advocacia Pública e Defensoria Pública.

Noções de Administração

Noções de administração. Abordagens clássica, burocrática e sistêmica  da administração. Evolução da administração pública no Brasil após 1930;  reformas administrativas; a nova gestão pública. Convergências e diferenças entre a gestão pública e a gestão privada. Excelência  nos serviços públicos. Excelência na gestão dos serviços públicos. Gestão de pessoas. Equilíbrio organizacional. Objetivos, desafios e características da gestão de pessoas. Gestão de desempenho.  Gestão do Conhecimento. Comportamento, clima e cultura organizacional. Gestão por competências. Liderança, motivação e satisfação no trabalho. Recrutamento e seleção de pessoas. Análise e descrição  de cargos. Educação, treinamento e desenvolvimento. Educação corporativa. Educação a distância. Qualidade de vida no trabalho. Gestão organizacional. Planejamento estratégico: definições de estratégia, condições necessárias para se desenvolver a estratégia,  questões‐chave em estratégia. Processos associados: formação de estratégia, análise, formulação, formalização, decisão e implementação. Metas estratégicas e resultados pretendidos. Indicadores de desempenho. Ferramentas de análise de cenário interno e  externo. Balanced scorecard. Técnicas de mapeamento, análise, simulação e modelagem de processos. Construção e mensuração de indicadores de processos. Gestão de projetos: planejamento, execução, monitoramento e controle, encerramento. O processo racional de solução de problemas. Fatores que afetam a decisão. Tipos  de decisões.

Noções de Arquivologia

Arquivística: princípios e conceitos. Gestão de documentos. Protocolos:  recebimento, registro, distribuição, tramitação e expedição de documentos. Classificação de documentos  de arquivo. Arquivamento e ordenação de documentos de arquivo. Tabela de temporalidade de documentos de arquivo.

Noções de Administração Orçamentária, Financeira do Orçamento Público

Orçamento  público. Conceito. Técnicas orçamentárias. Princípios orçamentários. Ciclo Orçamentário. 2 O  orçamento público no Brasil. Plano Plurianual na Constituição Federal. Diretrizes orçamentárias na  Constituição Federal. Orçamento anual na Constituição Federal. Estrutura programática. 2.5 Créditos ordinários  e adicionais. Programação e execução orçamentária e financeira. Descentralização orçamentária e financeira.  Acompanhamento da execução. Receita pública. Conceito. Classificação segundo a natureza. Etapas e estágios. Despesa pública. Conceito. Classificação  segundo a natureza. Etapas e estágios.Restos a pagar. Despesas de exercícios anteriores. Lei de Responsabilidade Fiscal.
 

Qual a banca?

Um dos passos mais importantes para o candidato durante a preparação é conhecer o perfil da banca examinadora. Isso porque não são todas iguais e cada uma tem suas particularidades. Estando por dentro do estilo da banca responsável pela prova do concurso que você vai participar é possível direcionar melhor seus estudos e torná-los mais efetivos.

O último concurso do }MPU, em 2018, foi organizado pela Cebraspe. Contudo, ainda não se sabe qual será a banca do próximo.

Aproveite para conferir as análises completas que fizemos das mais importantes instituições do país. Clique no nome de cada uma e saiba mais:

 

Quais as melhores técnicas para estudar?

A preparação para um concurso costuma, de fato, ser exaustiva. Mas para facilitar um pouco a sua vida, há técnicas que potencializam o aprendizado e, assim, podem agilizar a aprovação.

Entre as técnicas conhecidas estão a pomodoro e a de ciclo de estudos. Além disso, você pode estudar com flash cards ou mapas mentais.  No entanto, de todas as técnicas, a mais utilizada pelos concurseiros é, com certeza, a de estudo por questões.

O estudo por questões ajuda a reter a informações e revisar a matéria, tornando o processo de memorização do conteúdo mais simples e efetivo. Alguns cursos preparatórios oferecem material com questões comentadas pelos professores, o que facilita ainda mais.

Contudo, ressaltamos que o ideal é experimentar cada uma das técnicas e ver com qual você se adapta melhor. Por isso, confira também nosso post com as 16 melhores técnicas e métodos de estudos para concursos públicos.

E se você está em busca de dicas que lhe ajudem a manter a energia em alta no período de preparação, não deixe de acessar nosso post com as 5 melhores técnicas de motivação.

Quais os melhores cursos preparatórios?

Se você tem como investir tempo e dinheiro em curso preparatório, é preciso pensar bem antes para escolher um que seja adequado às suas necessidades. Afinal, é sempre um diferencial apostar em um módulo específico para a área ou cargo pretendido.

Desse modo, veja algumas opções realmente boas:

O Gran Cursos Online também está muito bem avaliado. De fato, tem material completo com videoaulas, além de professores de primeira linha. Assim, se você quer um curso com bom histórico de aprovação, e a possibilidade de estudar para mais de um concurso, o Gran Cursos certamente é uma ótima opção.

Curso Gran – Concurso MPU

 Estratégia ConcursosO Estratégia Concursos tem ótimos índices de aprovação nos principais concursos do país, pois conta com um material de qualidade e professores renomados. Ou seja, se você quer ter a certeza que está estudando pelo melhor material e, além disso, não se importa em pagar pela qualidade, o Estratégia Concursos é, com efeito, sua melhor opção.

Curso Estratégia – Concurso MPU

O Exponencial é mais uma excelente alternativa. Igualmente aos demais cursos, é voltado para o aprendizado acelerado, mas oferece ainda o interessante serviço de coaching 100% especializado.

 

Checklist do candidato

Se você se interessou por este concurso, mas ainda não tem certeza de que ele é para você, confira abaixo nosso checklist do que é necessário para passar neste concurso:

 

  • Ser esforçado e se dedicar a realmente estudar, no mínimo, a maior parte do conteúdo exigido no edital.
  • Estar realmente empenhado a fazer o que é preciso para conquistar uma vaga.
  • Estar interessado em seu próprio crescimento pessoal e profissional.
  • Ter o desejo de alcançar a estabilidade financeira, com um bom salário e os diversos benefícios oferecidos pelo concurso.
  • Dar um grande passo em relação à melhoria da qualidade de vida, oferecida por este concurso.

 

Aproveite também para seguir o Próximos Concursos nas redes sociais:  Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.  Por lá você vai encontrar tudo sobre o universo concurseiro, discussões de qualidade, troca de experiências e dicas imbatíveis.

E lembre-se: conte com a gente na caminhada até a aprovação!

Bons estudos!

Planilha de Estudos

Inscreva-se agora para baixar gratuitamente a Planilha definitiva de Estudos!

Confirme seu e-mail e baixe a planilha!

Presentinhos para você:

Presentinho pra você:

30% de desconto no GRAN: clique aqui 

10% no EXPONENCIAL: cupom: expo10

Material grátis do Estratégia: clique aqui 

E se quiser receber outras dicas de concurso, é só assinar nossa newsletter abaixo:

Você acabou de se inscrever em nossa lista.