Como aperfeiçoar a sua preparação para concursos por meio dos Ciclos de Estudos

 

Você já sabe que passar em um concurso público é sinônimo de estabilidade financeira e de emprego.

Mas é quase impossível passar em qualquer concurso sem um bom cronograma de estudos e organização.

Nesse ponto surgem as dúvidas:

Como me organizar?

Como estudar tudo o que precisando conciliando o trabalho, a família, a faculdade?

Para solucionar esses questionamentos e fazer com que essa organização tão desejada e necessária seja  sua aliada e não inimiga, nós fizemos esse artigo.

Nesse texto você descobrirá uma das melhores táticas de se criar um cronograma que irá te deixar mais tranquilo e motivado: o método dos Ciclos de Estudos.

Mas o que é isso?

Se você não sabe o que é o método de Ciclo de Estudos, fique tranquilo, explicaremos tudo direitinho e com detalhes.

Nos próximos parágrafos você descobrirá tudo o que é precisa saber para montar um bom ciclo de estudos, e, caso fique alguma dúvida, é só perguntar nos comentários que teremos muita satisfação em ajudá-lo.

Vamos lá?

Mas, antes de começarmos, gravamos um vídeo específico do assunto, se você preferir é só olhar.

 

Afinal, o que é um ciclo de estudo?

 

O ciclo de estudos é um método de organização de programação de estudo amplamente divulgado pelos famosos professores William Douglas e Alex Meirelles.

Essa ferramenta consiste em dividir as disciplinas de uma forma que você conseguirá estudar várias por dia e será obrigado a estudar até aquelas que não gosta.

Com esse mecanismo é possível que você estude com bom desempenho ao mesmo tempo TODAS AS MATÉRIAS NECESSÁRIAS, basta se organizar.

Não é incrível??

Por ser muito flexível, o seu projeto se adaptará rapidamente às mudanças na rotina e te deixará amparado quando surgirem os inevitáveis imprevistos. Outra vantagem da maleabilidade do método é que ele também funciona muito bem com as pessoas “menos organizadas” com o horário, basta ter um pouquinho de disciplina.

 

Existem outras vantagens de se adotar o estudo por ciclos?

 

Se você ainda não está convencido que a versatilidade não é suficiente para aderir a essa proposta, mostraremos que existem inúmeras vantagens além dessa:

  • Estudar várias disciplinas por semana, conseguindo manter todo o conhecimento “fresco”, reduzindo o esquecimento e aumentando a memorização.
  • Aumento da motivação. Ver o ciclo rodando ajuda a aumentar a vontade de continuar estudando, pois quando você chegar ao final de cada ciclo terá aquela gratificante sensação de dever cumprido.
  • Facilidade de adaptação à sua rotina, independente se você é uma pessoa que consegue manter uma rotina de estudos ou é mais flexível. Ele adapta-se fácil a imprevistos como convites inesperados de amigos ou algum outro compromisso importante.

Ou seja, ele é um método que faz com que você memorize mais, tenha flexibilidade e provavelmente vai aumentar sua vontade de estudar.

Existe procedimento melhor? Você verá que provavelmente não!

 

Como posso fazer o ciclo?

 

Antes de fazer o ciclo, você precisa entender quantas horas semanais você tem livre para estudar e quantas horas você deverá estudar cada disciplina. Para te dar mais suporte para decidir a quantidade de horas dedicadas a cada conteúdo preparamos um artigo específico para isso: Clique aqui para ler.

O ciclo de estudos funciona da seguinte forma:

 

Nada melhor do que começar a entender o ciclo de estudos do que fazendo um exemplo, ok?

Vamos começar imaginando um concurso hipotético que possua 5 disciplinas: Língua Portuguesa, Matemática, Informática, Língua Inglesa e Legislação.

Após fazer a divisão, descobrimos que teremos um ciclo de 40 horas semanais e a divisão das matérias ficará da seguinte forma:

 

Disciplina Total
Português 8
Matemática 6
Direito 12
Língua Inglesa 5
Informática 9
Total 40 horas

 

Como colocar em prática o planejamento do ciclo? E como fazer o ciclo?

 

Simples,

Talvez a maneira popular seja o controle com “quadradinhos” em uma tabela de Excel, word ou mesmo em um papel sulfite ou caderno da seguinte forma:

 

Modelo Ciclo de Estudos Excel

 

Cada quadrado corresponde a 1 hora de estudo, se você estudar meia hora, anota no quadrado e quando voltar ao ciclo, continua pelo tempo necessário.

Conforme você estuda a disciplina, vai marcando os “quadradinhos”. Você pode estudar quantas horas quiser cada matéria e pode utilizar seu próprio cansaço e humor para parar de estudar.

Simples, não é?

Veja um exemplo dos artigos marcados:

 

 

modelo ciclo de estudos excel marcado

Como o ciclo do exemplo ficou muito grande porque são poucas disciplinas e um horário hipotético alto (40 h) talvez fosse interessante dividir pela metade

Disciplina  1  2 3  4  5  6
Português 1 2 3 4
Matemática 1 2 30 minutos
Informática 1 2 3 4 5 6
Língua Inglesa 1 2 30 minutos
Legislação 1 2 3 4 30 minutos

 

Dependendo de como você fez o seu ciclo, é uma forma de simplificar e ficar mais fácil o controle.

Ainda assim poderíamos dividir por 3 e não perderíamos muito, veja como ficaria:

Disciplina  1  2 3  4
Português 1 2 30 minutos
Matemática 1 30 minutos
Informática 1 2 3 4
Língua Inglesa 1 30 minutos
Legislação 1 2 3

 

O ideal é que você conseguisse diminuir o tamanho do ciclo para o menor possível, para ter aquela sensação de que completou o ciclo e dever cumprido.

 

Qual a ordem devo estudar as disciplina dentro do ciclo?

 

É possível que você comece estudando 1 hora de cada disciplina e siga à risca o ciclo. Também, caso você preferir, pode estudar 2:30 uma determinada disciplina, e outra só 1 hora, depende de sua própria vontade e “feeling”.

Imagine que você estudou 2 horas de Direito e está cansado, estude uma de matemática ou algo assim. Você só tem que tomar cuidado para não deixar as disciplinas “chatas” acumulados para o final. Estude-as no meio do ciclo, para não dar aquela desmotivada.

Também é muito importante você ter em mente que precisa anotar onde parou de estudar. Isso é absurdamente importante.

Não custa lembrar que você também deve dividir seu estudo dentro de cada disciplina em aprendizado, revisão e questões, dessa forma conseguirá uma preparação mais consistente, mas isso abordaremos em outro capítulo.

Outro fato importante é você intercalar matérias que você tem mais facilidade com as que tem mais dificuldade, e matérias mais exatas (como raciocínio lógico e estatística) com as mais teóricas. Isso ajuda na fluidez do estudo.

Mas essas são sugestões, você deve testar e ver se funciona para você.

 

O que fazer ao final do Ciclo?

 

O método se chama Ciclo porque ele se encaixa nos famoso método PDCA , ou seja, você planeja o Estudo, Executa o Estudo, Verifica ao final se está dando os resultados alcançados e ajusta ao próximo ciclo. Ou seja, ao final do Ciclo você deverá avaliar se o tempo para cada matéria está bom, se a forma como você está estudando as matérias está boa e fazer os ajustes necessários.

 

Vamos resumir então os pontos principais do Ciclo de Estudo?

  • Descobrir a quantidade líquida de horas de estudo semanais;
  • Dividir a quantidade de horas de uma maneira que racionalize o estudo;
  • Fazer um elemento gráfico que ajude você a controlar o estudo (o Ciclo);
  • Acompanhar e adaptar o estudo.

 

Entendeu? Está preparado?

Se ficou QUALQUER DÚVIDA é só colocar nos comentários que ficaremos mais que felizes em responder!

Espero que você tenha gostado de nosso artigo, não esqueça de curtir nosso site no Face, Youtube e Twitter!