Atenção concurseiros de plantão…

 

Fim dos Concursos PúblicosO assunto de ontem (15-03) no universo concurseiro foi, sem dúvida, a declaração do Ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre a suspensão dos concursos públicos.

Em um evento na FGV – Fundação Getúlio Vargas, o ministro afirmou que mais da metade dos servidores públicos devem se aposentar nos próximos anos e que o governo pretende investir na digitalização dos serviços prestados por esses servidores, ao invés de abrir novas seleções. O ministro informou também que o valor previsto na LOA será usado somente para os concursos que foram autorizados em 2018, além de contratações emergenciais.

 

Antes de mais nada, usando nossa experiência de mais de 20 anos em concursos públicos, queremos acalmar os concurseiros que estão se preparando para ingressar na carreira pública e também os que estão iniciando a caminhada nessa jornada. 

 

Não é hora de desacelerar os estudos e nem deixar o desânimo falar mais alto!

 

Claro que nenhum concurseiro gostaria de ouvir essa declaração, porém antes de jogar tudo pro alto e deixar de estudar, devemos levar alguns pontos em consideração:

 

1º – O governo Bolsonaro não é o primeiro a declarar a suspensão de concursos públicos.

 

Governos anteriores como o da Presidente Dilma, por exemplo, também anunciou a suspensão dos concursos nos anos de 2011 e 2015.

 

E quer saber o que aconteceu?

 

Em 2011 vários concursos seguiram seus trâmites normalmente com publicação de novos editais e nomeação de aprovados em concursos anteriores. Podemos citar entre eles o Concurso do Ministério do Meio Ambiente, Abin, Inmetro e Fiocruz.

Em 2015 e 2016 o Ministério do Planejamento mais uma vez suspendeu os concursos públicos, porém vários deles aconteceram. Quer saber alguns deles? Concurso INSS, IBGE e Funai.

Só em 2017 foram publicados mais de 150 editais com mais de 135 mil vagas ofertadas. 

 

2º – Essa declaração afeta apenas a esfera do Executivo Federal.

 

O que isso quer dizer?

 

Que os concursos das esferas estaduais e municipais acontecerão normalmente e continuarão oferecendo milhares de oportunidades. As restrições não afetam concursos de Tribunais, Bancos, Correios, Petrobras, Forças Armadas, Senado, Câmara, Ministério Público e Prefeituras (incluindo áreas de educação e saúde).

Além desses, temos que considerar as situações emergenciais citadas pelo ministro. Ou seja, é de conhecimento de todos a necessidade da realização de concursos para órgãos como INSS e IBGE, por exemplo. 

 

Resumindo…

 

motivaçãoContinuarão sendo ofertadas excelentes oportunidades na carreira pública, e por isso, não desanime e mantenha o foco nos estudos!

Aproveite nossas dicas para turbinar sua preparação e conquistar mais rápido a tão sonhada vaga!

 

 

Quer dicas para passar em Concurso Público?

 

Para otimizar ou iniciar sua preparação, indicamos a nossa Seção de Dicas para passar em Concurso Público. Nela você encontrará artigos com valiosas dicas para colocá-lo mais próximo da sua aprovação, como por exemplo:

 

Prefere dicas em vídeo? Acesse nossa seção com dicas de concursos, melhores cursos preparatórios, guia do primeiro concurso e muito mais!

 

 

Esperamos ter ajudado nos esclarecimentos sobre o anúncio do Ministro. Continue com a gente.

Tenha acesso a outras notícias e artigos. Curta nosso site no FacebookTwitterInstagram e Youtube!

 

Gostou do artigo?
[Total: 2 Average: 3]

Planilha de Estudos

Inscreva-se agora para baixar gratuitamente a Planilha definitiva de Estudos!

Confirme seu e-mail e baixe a planilha!