Muita gente tem dúvidas sobre como estudar Direito Administrativo para concursos. No entanto, a disciplina não é complexa, e bastam foco e um bom material para se obter ótimos resultados. Neste artigo trazemos algumas dicas importantes para nortear sua preparação.

 

Confira!  

 

O que é Direito Administrativo?

 

Direito Administrativo é um ramo autônomo do Direito Público interno, que se concentra nas funções e atividades administrativas do Estado e seus agentes. Ele atua em conformidade com a legislação brasileira para garantir que o interesse público seja preservado.

 

Confira 5 dicas de Direito Administrativo para concursos:

 

 

1 – Saiba o que é solicitado

 

Para se preparar de forma adequada, é preciso antes saber o que cai na prova de Direito Administrativo para concursos. De maneira geral, o conteúdo programático solicitado nesta disciplina engloba os seguintes tópicos:

 

  • Responsabilidade do servidor e deveres do administrador.
  • Formas de provimento dos cargos públicos.
  • Servidores públicos.
  • Entidades públicas.
  • Bens públicos.
  • Agentes públicos.
  • Organização administrativa.
  • Utilização dos bens públicos por particulares.
  • Remédios jurídicos ou constitucionais.
  • Princípios do Direito Administrativo.
  • Concessão e permissão de serviços públicos.
  • Convênios e consórcios administrativos.
  • Poderes Administrativos.
  • Regime Jurídico Administrativo.
  • Contratos Administrativos.
  • Controle da Administração Pública.
  • Ato Administrativo.
  • Espécies de regimes jurídicos.
  • Relações jurídicas da administração com particulares.
  • Modalidades e formas de prestação do serviço público.
  • Administração pública.
  • Responsabilidade civil da administração.
  • Personalidade jurídica do Estado.

2 – Atente aos princípios

 

Os cinco princípios do Direito Administrativo devem ser seguidos pela administração pública direta ou indireta de qualquer instância. Eles são fundamentais nas provas da disciplina, servindo de base para muitas questões. Uma maneira simples, e bastante utilizada pelos concurseiros de memorizar os princípios é associá-los à palavra LIMPE:  

 

Legalidade.

Impessoalidade.

Moralidade.

Publicidade.

Eficiência.

 

  • Legalidade: a ação do administrador público deve estar em conformidade com a lei.
  • Impessoalidade: a administração pública precisa ser neutra.
  • Moralidade: normas de conduta definidas pela legislação devem ser seguidas pelo administrador público.
  • Publicidade: a administração pública precisa ser transparente, divulgando oficialmente seu atos e dados.
  • Eficiência: a administração pública deve manter a qualidade dos serviços que presta.

 

3 – Estude as fontes

 

Este é outro tópico que aparece muito nas provas de Direito Administrativo para concursos. No entanto, é simples de compreender e memorizar. Em linhas gerais, as fontes são:

 

  • Lei: fonte primária do Direito Administrativo, engloba a Constituição Federal (art 37) até decretos, regimentos e resoluções.
  • Doutrina: inclui as teses e pensamentos de autores influentes na área do Direito.
  • Jurisprudência: decisões judiciais reiteradas em um mesmo sentido sobre um mesmo assunto.
  • Costumes: conjunto de condutas praticadas pelos agentes públicos a partir da consciência de sua obrigatoriedade.

 

4 – Faça provas anteriores

 

Uma excelente maneira de se preparar para a prova de Direito Administrativo para concursos é fazer as provas já aplicadas da disciplina. O ideal é que você tenha acesso ao material do concurso do qual pretende participar para que possa estudar por questões. Isso porque são um bom apanhado do conteúdo e as provas costumam trazer os mesmos tipos de perguntas.

 

Também é importante conhecer o estilo da banca examinadora do concurso e buscar as provas anteriores aplicadas por ela na matéria em outros editais. Assim você poderá ter uma visão geral de como os testes são formulados, suas principais características e até as pegadinhas recorrentes.

 

5 – Invista em um curso preparatório

 

Se você tiver disponibilidade de tempo e dinheiro pense em investir em um curso preparatório.

Cursinhos como o Estratégia, o Gran Cursos Online e a Casa do Concurseiro, por exemplo, têm módulos específicos de Direito Administrativo para concursos, com material atualizado, feito por professores qualificados, com muita experiência na área. E se você está se preparando para a prova da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) não deixe de conferir nosso ranking com as melhores opções de cursos para a área.

Ranking dos melhores cursos preparatórios para OAB

5 dicas de Direito Administrativo para concursos:

 

  1. Saiba o que é solicitado
  2. Atente aos princípios
  3. Estude as fontes
  4. Faça as provas anteriores
  5. Invista em um curso preparatório

 

 

Agora que você já sabe como estudar Direito Administrativo para concursos, aproveite para também acessar os posts sobre Direito Constitucional, Direito Tributário e Direito Civil.

 

Quer saber mais sobre o universo concurseiro? Curta e acompanhe nossas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.

 

Bons estudos!

 

Planilha de Estudos

Planilha de Estudos

Com essa planilha você vai poder calcular automaticamente seu tempo ideal de estudos.

Ela foi criada com base no Método PQF para calcular o quanto você tem que estudar, levando em conta o peso de cada matéria, quantidade de horas necessárias e facilidade que você tem sobre cada uma.

Parabéns! agora você tem acesso a Planilha de Estudos!