proximos concursos

Concurso Fundase RN: Inscrições até hoje (15-08)! 576 vagas

Sumário

Atenção concurseiros do Rio Grande do Norte…

 

As inscrições do Concurso da Fundação de Atendimento Socioeducativo do Estado do Rio Grande do Norte (concurso Fundase RN) foram prorrogadas e poderão ser feitas até o dia 15 de agosto de 2022.

Estão sendo ofertadas 576 vagas para as carreiras de Analista Socioeducativo, Agente Socioeducativo, Analista Administrativo, Técnico de Nível Médio e Técnico de Nível Superior.

Os interessados poderão se inscrever no site da banca https://www.institutoaocp.org.br/.

As provas estão previstas para o dia 18 de setembro de 2022.

 

 

Principais informações sobre o concurso Fundase RN

 

Quais as carreiras e atribuições?

 

O Concurso Fundase RN está ofertando vagas nas carreiras de Analista Socioeducativo, Agente Socioeducativo, Analista Administrativo, Técnico de Nível Médio e Técnico de Nível Superior.

Saiba a seguir quais as principais atribuições de cada uma delas.

 

Analista Socioeducativo

 

Assistente Social

  • Planejar a organização do trabalho do próprio setor de Serviço Social e participar da elaboração do projeto pedagógico da unidade.
  • Elaboração do parecer social, que comporá, com os estudos dos demais profissionais, o relatório técnico a ser encaminhado ao Poder Judiciário.
  • Articular os recursos da comunidade para a formação da rede de apoio, visando à inclusão social dos socioeducandos e suas famílias, conforme necessidades detectadas.
  • Favorecer os encaminhamentos para aquisição da documentação pessoal dos socioeducandos.
  • Realizar visitas domiciliares com o objetivo de subsidiar o acompanhamento social.
  • Realizar atividades com os socioeducandos e seus familiares com o objetivo de fortalecer os
  • vínculos familiares.
  • Viabilizar e realizar contatos com as famílias dos socioeducandos de outras comarcas,
  • conforme a necessidade.
  • Proceder ao acompanhamento familiar através de atividades de orientação individual e grupal acerca da situação processual de cada socioeducando, acolhimento, desligamento, normas institucionais e encaminhamentos a serviços públicos.
  • Elaborar anualmente, relatório específico sobre atuação do Serviço Social, enfatizando os resultados obtidos, dificuldades enfrentadas e perspectivas

 

Psicólogo

  • Elaborar parecer psicológico, que comporá, com os estudos dos demais profissionais, o relatório técnico a ser encaminhado ao Poder Judiciário.
  • Planejar a organização do trabalho do próprio setor de Psicologia e participar da elaboração do projeto pedagógico da unidade.
  • Viabilizar, a partir da escuta, a construção da história de vida do socioeducando, a compreensão do envolvimento com a prática de ato infracional, as consequências dessa prática em sua biografia.
  • Intervir na dinâmica institucional, no apoio e suporte aos demais trabalhadores no sentido de garantir a qualidade do atendimento diário ao socioeducando interno.
  • Intervir junto ao socioeducando em sofrimento mental, desde o diagnóstico inicial, realizado na entrada do socioeducando na unidade, no estudo de caso, no encaminhamento (triagem) para os serviços públicos de saúde mental, estabelecendo uma parceria no acompanhamento do caso, evitando a medicalização excessiva e desnecessária e orientando os educadores no trato com o socioeducando.
  • Mediar conflitos procurando interpretar os indicadores ambientais que sugerem a eclosão de situações de violência entre socioeducandos, entre socioeducandos e adultos da instituição ou de adultos em relação aos socioeducandos e recorrer às instâncias internas da unidade para a prevenção e/ou erradicação de tal situação.
  • Realizar visitas domiciliares com o objetivo de subsidiar o acompanhamento social.
  • Realizar atividades com os socioeducandos e seus familiares com o objetivo de fortalecer os vínculos familiares.

 

Pedagogo

  • Elaborar parecer pedagógico, que comporá, com os estudos dos demais profissionais, o
  • relatório técnico a ser encaminhado ao Poder Judiciário.
  • Elaborar em conjunto com a coordenação técnica e demais profissionais que atuam na unidade o Projeto Político Pedagógico fazendo previsão de recursos humanos e materiais necessários à execução das ações propostas.
  • Promover a articulação das atividades vinculadas ao setor pedagógico, buscando a convergência e a complementaridade das ações, proporcionando a intrínseca relação entre
  • educação formal e informal.
  • Acompanhar o desempenho e a participação dos socioeducandos nas atividades pedagógicas, avaliando seu desenvolvimento e evolução no cumprimento da medida socioeducativa.
  • Planejar juntamente com a equipe técnica, atividades para os fins de semana e feriados.
  • Realizar a avaliação educacional e o levantamento do histórico escolar dos socioeducandos
  • para compor relatórios técnicos e estudo de caso;
  • Planejar, executar, orientar e supervisionar atividades de capacitação educativas destinadas ao corpo funcional.
  • Fazer a mediação entre o socioeducando, os sistemas de educação básica e profissionalizante.
  • Realizar atendimento individual ou em grupo aos socioeducandos no que se refere à orientação educacional.
  • Registrar bimestralmente dados relevantes acerca do desempenho escolar de cada
  • socioeducando.
  • Fornecer, mensalmente dados estatísticos acerca dos atendimentos e atividades realizadas na área pedagógica;
  • Elaborar, anualmente relatório sobre as atividades desenvolvidas, enfocando os resultados
  • obtidos, dificuldades enfrentadas e perspectivas.
  • Guardar e conservar os recursos materiais e físicos destinados ao Setor Pedagógico.

 

Agente Socioeducativo

  • Promover os cuidados com os socioeducandos autores de atos infracionais sob medidas
  • socioeducativa de internação, semiliberdade, nos serviços de internação provisória e pronto
  • atendimento.
  • Conhecer a medida socioeducativa a ser cumprida pelo socioeducando, colaborando para a execução.
  • Receber o socioeducando por ocasião do seu ingresso nas dependências da Unidade
  • Colaborar, orientar e supervisionar as atividades educacionais, pedagógicas, de esporte e lazer, higiene pessoal, de alimentação e de dormitório;
  • Relatar ocorrências significativas referentes ao socioeducando na Unidade durante o cumprimento da sua escala de serviço;
  • Efetuar custódia, em traslados, quando solicitado; Participar efetivamente da construção do Plano Individual de Atendimento (PIA), apropriando–se continuamente das metas estabelecidas pelos setores para orientação e diagnóstico polidimensional do socioeducando;
  • Intervir, de forma educativa, junto ao socioeducando, no sentido de contribuir para sua adaptabilidade ao processo socioeducativo, agindo como mediador em situações limites para dirimir eventuais possibilidades de conflitos;
  • Interagir com os setores de saúde, técnico e pedagógico, criando um clima coeso para que haja uma dinâmica de trabalho mais apropriada ao tipo de socioeducando atendido, na conformidade do SINASE;
  • Realizar contagem nominal, na mudança da equipe de plantão;
  • Verificar se todos os socioeducandos estão em boas condições físicas;
  • Inspecionar os dormitórios e está atento a qualquer indício de que alguma irregularidade possa ter ocorrido tanto no plantão diurno quanto noturno Guardar e controlar as chaves, bem como
  • proceder à abertura e fechamento das portas dos dormitórios e áreas de contenção;
  • Solicitar à chefia imediata, autorização para realizar revista geral na unidade, uma vez por semana
  • ou quando se fizer necessária, e nos socioeducandos que serão visitados, antes e
  • após o término;
  • Permanecer no plantão até a liberação pelo superior hierárquico.

 

Analista Administrativo

  • Elaborar, acompanhar e avaliar estudos, pesquisas, diagnósticos, planos e projetos.
  • Executar atividades de análise e avaliação orçamentária e financeira, relacionada aos processos e rotinas.
  • Participar de comissões, de qualquer natureza, bem como de reuniões técnicas interna ou externa em que se exija a aplicação de conhecimentos inerentes à prática de Administração em geral.
  • Elaborar relatórios e planilhas gerenciais, bem como mensurar indicadores da área de atuação.
  • Executar atividades de análise de informações processuais.
  • Realizar o lançamento de informações, de qualquer natureza, no sistema operacional, em conformidade com as normas e procedimentos pré-estabelecidos.
  • Fornecer suporte técnico em atividades de planejamento, organização, controle, distribuição e arquivo de processos.
  • Emitir pareceres, analisar, orientar, supervisionar ou executar atividades de rotinas, relativas à área de atuação.
  • Executar atividades de atendimento ao público interno e externo, quando necessário.
  • Proceder à auditoria de métodos e sistemas administrativos e de gestão organizacional.
  • Coordenar o desenvolvimento de projetos, programas e rotinas na área de recursos humanos, acompanhando sua operacionalização.

 

Técnico de Nível Médio

  • Executar atividades de protocolo, relacionadas à entrada, autuação e saída de documentos e processos, bem como de anotação, digitação, redação, organização e arquivo de documentos.
  • Executar atividades de recebimento, conferência, armazenamento, controle e distribuição de materiais e equipamentos, de qualquer natureza.
  • Realizar atividades relacionadas ao atendimento e orientação ao público interno e externo, bem como prestar informações funcionais, de qualquer natureza, relacionada à área de atuação.
  • Fornecer suporte operacional e realizar lançamentos no sistema, de qualquer natureza, relacionadas à atividade de rotinas administrativas da rotina da área de atuação.
  • Monitorar e registrar a entrada e saída de pessoas e veículos, observando o movimento, identificando–os, para vedar à entrada as pessoas suspeitas, ou encaminhar as demais ao destino solicitado.

 

Técnico de Nível Superior

  • Fornecer suporte técnico em atividades de planejamento, execução, organização, controle, distribuição e arquivo de processos, bem como acompanhar operações de manutenção preventiva e corretiva em unidades da Fundação.
  • Executar e realizar atividades de análise de processos, com lançamento de informações no sistema operacional, quando necessário.
  • Analisar, orientar, supervisionar e executar atividades de rotinas, relativas à área de atuação.
  • Participar de comissões, de qualquer natureza, bem como de reuniões técnicas interna ou externa em que se exija a aplicação de conhecimentos inerentes a sua área de atuação.
  • Executar atividades de atendimento ao público interno e externo, quando necessário.
  • Contribuir na elaboração do planejamento orçamentário de sua área de atuação.
  • Prestar assessoramento técnico e consultoria interna, em conformidade com a área de atuação.
  • Executar atividades de análise e avaliação financeira, relacionada aos processos de rotinas, em conformidade com a área de atuação.
  • Planejar, implantar, coordenar, monitorar e avaliar programas e projetos atinentes ao
  • atendimento socioeducativo.
  • Realizar atividades de auditoria interna, quando couber.
  • Emitir pareceres, relatórios, gráficos e planilhas gerenciais, fornecendo o subsídio técnico para a tomada de decisões.
  • Realizar estudos relacionados à identificação do perfil dos beneficiários da Instituição.
  • Planejar, coordenar e controlar atividades operacionais, relacionada ao processo de recebimento, manutenção, conservação, controle e guarda de documentos e processos da Fundação.
  • Realizar atividades de análise e projeções estatísticas, bem como acompanhar dados, histórico e indicadores.
  • Planejar, executar, coordenar e acompanhar operações de manutenção preventiva e corretiva em ambientes internos da Fundação.
  • Elaborar termos de contratos de prestação de serviços, de cooperação técnica e de convênios, bem como outros instrumentos correlatos.
  • Participar de comissões de sindicância para apuração de faltas cometidas por servidores.
  • Planejar, executar e avaliar a capacitação de pessoal da Fundação.

 

Quantas são as vagas?

 

O concurso Fundase RN ofertará 576 vagas, distribuídas da seguinte maneira:

 

 

Qual o nível de formação exigido?

 

metodo tecnica estudar

 

A formação exigida no concurso Fundase RN será a seguinte:

  • Analista Socioeducativo: diploma de graduação de Nível Superior na área específica do cargo pretendido.
  • Agente Socioeducativo: diploma de graduação de Nível Superior em qualquer área de atuação.
  • Analista Administrativo: diploma de graduação de Nível Superior na área específica do cargo pretendido.
  • Técnico de Nível Médio: certificado de Nível Médio/Técnico em qualquer área de atuação.
  • Técnico de Nível Superior: diploma de graduação de Nível Superior na área específica do cargo pretendido.

 

Quais as demais exigências?

 

Confira a seguir  as demais exigências para se candidatar a uma vaga no concurso Fundase RN.

 

  • Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, em caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento de gozo de direitos políticos nos termos do parágrafo 1º, artigo 12, da Constituição Federal e do Decreto nº. 70.436/72.
  • Estar quite com as obrigações eleitorais.
  • Apresentar certificado de reservista ou de dispensa de incorporação, em caso de candidato brasileiro, do sexo masculino.
  • Ter aptidões físicas e mentais para o exercício das atribuições do cargo e função.
  • Apresentar, às suas expensas, atestado médico ocupacional expedido por médico do trabalho.
  • Ter idade mínima de 18 anos completos na data da contratação.
  • Firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal.
  • Firmar declaração de que não possui vínculo com a administração direta ou indireta da União, Estados ou outros Municípios e empregado ou servidor de suas subsidiárias e controladas.
  • Apresentar declaração do Conselho de Classe, que está apto para exercer a profissão, nos casos exigidos para a ocupação do cargo.
  • Apresentar declaração ou certidão de órgãos públicos, em que o candidato exerça ou tenha exercido cargo público, nos últimos cinco anos atestando que o candidato não se encontra respondendo a processo administrativo disciplinar, nem teve contra si aplicada a pena de demissão.
  • Exclusivamente para o cargo de Auxiliar de Serviços Diversos (Motorista), o candidato deve ter Carteira de Nacional de Habilitação categoria D ou E, observado o prazo de validade, que deve estar vigente durante todo o período do contrato, e sem registro de infração grave ou gravíssima nos últimos 12 meses.
  • Apresentar certidão negativa de antecedentes criminais emitida pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte.
  • Apresentar certidão negativa de antecedentes criminais emitida pela Polícia Federal.

 

Qual o salário?

 

dinheiro money salario

O salário inicial no Concurso Fundase RN é de:

 

Nível Médio

CARGOS SALÁRIO
Técnico de Nível Médio R$ 2.363,09

 

Nível Superior

CARGOS SALÁRIO
Analista Socioeducativo – Assistente social R$ 3.967,09
Analista Socioeducativo – Pedagogo R$ 3.189,39
Analista Socioeducativo – Psicólogo R$ 3.189,39
Agente Socioeducativo R$ 2.286,55
Analista Administrativo – Analista de Sistemas R$ 3.029,92
Analista Administrativo – Contador R$ 3.029,92
Técnico de Nível Superior R$ 2.870,90

 

Qual a lotação?

 

Os aprovados no concurso Fundase RN serão lotados no município de escolha no ato de inscrição. Porém, a unidade de lotação dentro do município será determinada pela própria Fundase, conforme as necessidades da Administração Pública e demais especificações contidas no contrato a ser firmado entre o candidato e a Fundase.

 

Qual a jornada de trabalho?

 

tempo jornada relogio hora tempo jornada carga horaria concurso publico

A jornada de trabalho dos aprovados no concurso Fundase RN será de 44 horas semanais ou por escala de plantão, respeitada as exceções contidas em legislação específica e observada a proporção entre a carga horária cumprida e remuneração fixada para o cargo.

 

Quais as etapas do edital?

 

Confira a seguir quais serão as etapas do edital do concurso Fundase RN, conforme projeto básico.

 

Analista Socioeducativo, Analista Administrativo e Técnico de Nível Superior:

  • 1ª etapa: provas objetiva e discursiva (eliminatória e classificatória).
  • 2ª etapa: avaliação de títulos (classificatória).
  • 3ª etapa: investigação social e exame toxicológico (eliminatória).

 

Técnico de Nível Médio:

  • 1ª etapa: prova objetiva (eliminatória e classificatória).
  • 2ª etapa: investigação social e exame toxicológico (eliminatória).

 

Agente Socioeducativo:

  • 1ª etapa: provas objetiva e discursiva (eliminatória e classificatória).
  • 2ª etapa: investigação social e exame toxicológico (eliminatória).
  • 3ª etapa: teste de aptidão física (eliminatória).
  • 4ª etapa: curso de formação (eliminatória e classificatória).

 

Como são as provas?

 

As provas do concurso Fundase RN deverão ser estruturadas da seguinte forma, conforme projeto básico:

 

Prova objetiva

As provas objetivas de todos os cargos serão aplicadas de forma regionalizada nos municípios de Natal, Mossoró e Caicó. E serão constituídas de 75 questões de múltipla escolha cada uma, de conteúdo geral e específico conforme o cargo pretendido.

 

Conhecimentos Gerais

  • Língua Portuguesa: 10 questões.
  • Noções de informática: 5 questões.
  • Direito Administrativo e Administração Pública: 10 questões.
  • Direito Constitucional e Direitos Humanos: 15 questões.

 

Conhecimentos Específicos

  • Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo-Sinase Lei federal nº 12.594/2012 e Direito da Criança e do Adolescente: 15 questões.
  • Normativas Interna da Fundase Portarias nº 249 e 250/2019 e Ética Profissional: 20 questões.

 

Prova discursiva

A prova discursiva será aplicada a todos os cargos de Nível Superior, independente da área de atividade e especialidade. Será realizada em formulário próprio, personalizado e identificado por meio de mecanismo de segurança, exigindo-se entre 15 e 30 linhas de redação

 

Avaliação de títulos

A avaliação de títulos se aplica unicamente aos cargos de Analista Socioeducativo, Analista Administrativo e Técnico de Nível Superior.

Serão aceitos os títulos de conclusão de cursos de pós-graduação lato e strictu sensu, na área de conhecimento a que o candidato concorre, desde que expedidos por instituição regularmente autorizada pelo Conselho de Educação competente para tal.

 

Teste de aptidão física

O teste de aptidão para o cargo de Agente Socioeducativo contemplará os seguintes exercícios:

  • Impulsão horizontal: com distância mínima de 1,80 metro (sexo masculino) e 1,40 metro (sexo feminino).
  • Flexão Abdominal: 31 repetições (sexo masculino) e 25 repetições (sexo feminino) no tempo máximo de 1 minuto.
  • Corrida de média distância: 2.000 metros (sexo masculino) e 1.600 metros (sexo feminino) no tempo máximo de 12 minutos.

 

Curso de formação

O curso de formação sobre o atendimento socioeducativo é voltado apenas para o cargo de Agente Socioeducativo, sendo de caráter classificatório e eliminatório, com duração de 52 horas.

O curso consiste em atividades teóricas e práticas. As atividades teóricas terão a forma de aulas, que tratarão de aspectos relativos à socioeducação. As atividades práticas constarão de vivências nas unidades de atendimento da Fundase, podendo ser realizadas em qualquer dos turnos de trabalho e em qualquer dia, incluindo finais de semana.

Também constarão de análise de estudo de caso com foco em diferentes aspectos do trabalho do Agente Socioeducativo, a ser apresentada de forma escrita e verbal, definido no edital do concurso.

A avaliação do curso será de acordo com o tipo de atividade. As atividades teóricas serão avaliadas por meio de provas objetivas. As atividades práticas serão realizadas através de estudos de caso e vivências serão avaliados obedecendo uma chave de respostas, que tomará como parâmetro o perfil legal do trabalho do agente socioeducativo.

O curso de formação será realizado, de forma regionalizada, nos mesmos dias e horários, nas cidades de Natal, Mossoró e Caicó.

 

Acesse o edital completo:

 

 

Qual a banca?

 

O próximo edital do concurso Fundase RN será  organizado pelo Instituto AOCP. Saiba mais sobre ele, clicando aqui.

Um dos passos mais importantes para o candidato durante a preparação é conhecer o perfil da banca examinadora. Isso porque não são todas iguais e cada uma tem suas particularidades. Estando por dentro do estilo da banca responsável pela prova do concurso que você vai participar é possível direcionar melhor seus estudos e torná-los mais efetivos.

 

Como foi a concorrência do último concurso?

 

concorrencia 2 lotação concurso publico

O último concurso Fundase RN foi realizado em 2018, no formato de processo seletivo simplificado, ofereceu 400 vagas de cadastro reserva para os cargos de  Agente Socioeducativo, Analista Socioeducativo (Assistente Social, Pedagogo e Psicólogo) e Auxiliar de Serviços Diversos (Motorista).

Na ocasião, houve mais de 2 mil inscritos.

 

Tem material de qualidade para estudar?

 

Para otimizar ou iniciar sua preparação, indicamos a nossa Seção de Dicas para passar em Concurso Público. Nela você encontrará artigos com valiosas dicas para colocá-lo mais próximo da sua aprovação, como por exemplo:

 

 

Prefere dicas em vídeo? Acesse nossa seção com dicas de concursos, melhores cursos preparatórios, guia do primeiro concurso e muito mais!

 

 

Quer dicas para passar em Concurso Público?

 

Para otimizar ou iniciar sua preparação, indicamos a nossa Seção de Dicas para passar em Concurso Público. Nela você encontrará artigos com valiosas dicas para colocá-lo mais próximo da sua aprovação, como por exemplo:

 

Prefere dicas em vídeo? Acesse nossa seção com dicas de concursos, melhores cursos preparatórios, guia do primeiro concurso e muito mais!

 

 

Quais os melhores cursos preparatórios?

 

Se você tem como investir tempo e dinheiro em curso preparatório, é preciso pensar bem antes para escolher um que seja adequado às suas necessidades. Afinal, é sempre um diferencial apostar em um módulo específico para a área ou cargo pretendido.

Desse modo, veja algumas opções realmente boas:

 

O Gran Cursos Online está muito bem avaliado. De fato, tem material completo com videoaulas, além de professores de primeira linha. Assim, se você quer um curso com bom histórico de aprovação, e a possibilidade de estudar para mais de um concurso, o Gran Cursos certamente é uma ótima opção.

 

Estratégia ConcursosO Estratégia Concursos tem ótimos índices de aprovação nos principais concursos do país, pois conta com um material de qualidade e professores renomados. Ou seja, se você quer ter a certeza que está estudando pelo melhor material e, além disso, não se importa em pagar pela qualidade, o Estratégia Concursos é, com efeito, sua melhor opção.

 

O Exponencial é mais uma excelente alternativa. Igualmente aos demais cursos, é voltado para o aprendizado acelerado, mas oferece ainda o interessante serviço de coaching 100% especializado.

 

Quer conhecer outras opções? Confira no link a seguir:

 

 

Siga também nossas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.

Bons estudos e boa sorte!

Fique bem informado

Acompanhe o melhor canal com vídeos com dicas de estudos e notícias sobre concursos públicos.

Veja nossos Web Stories

Motivação: O Segredo para a Aprovação em Concursos Públicos

plugins premium WordPress