Concurso TJ SC 2018 – Tudo o que você precisa saber para conquistar sua vaga

 

O Concurso do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina já está com a banca definida desde dezembro de 2017. A escolhida para organizar o Concurso foi a FGV – Fundação Getúlio Vargas.

O concurso terá vagas para as tão concorridas carreiras de Técnico Judiciário Auxiliar e Analista Administrativo, que oferecem ótimos salários para os aprovados.

Além do excelente salário, trabalhar no Tribunal de Justiça de Santa Catarina oferece outras vantagens, como auxílio alimentação que chega a quase R$ 1.200,00, além de auxílio transporte, auxílio creche e possibilidade de trabalhar em cargos de confiança.

Ficou interessado?

Veja abaixo o artigo que preparemos especialmente para você:

 

Informações sobre as carreiras do Tribunal de Justiça de Santa Catarina

 

Veja abaixo todas as informações disponíveis sobre este concurso e também uma breve análise do último edital.

 

Qual o salário dos cargos ofertados?

 

Para o cargo de Técnico Judiciário, que exige formação em Nível Médio, o salário inicial é de R$ 3.317,50 e pode chegar até R$ 5.027,91.

Já para todos os outros cargos, que são de Nível Superior e que inclui o cargo de Analista Administrativo, que já se sabe que terá vagas abertas, o salário inicial é de R$ 5.710,74 e pode chegar até R$ 8.961,53.

 

Quais são os benefícios da carreira?

 

Além dos salários que são bastante atrativos, os servidores também têm direito à auxílio transporte, no valor de R$ 150,00; auxílio alimentação, no valor de R$ 1.160,00 e auxílio creche, no valor de R$ 500,00.

Além disso, os servidores também têm direito a função gratificada, cujo aumento salarial vai de 824,45 até R$ 1.511,49 e de assumir cargo em comissão, cujo aumento vai de R$ 3.317,51 até R$ 15.292,09.

 

Qual é a jornada de trabalho?

 

Segundo o edital do último concurso, a carga horária para os cargos de Analista Administrativo e de Técnico Judiciário é de 35 horas semanais. O que também é bastante atrativo, sendo que em outros Tribunais a jornada é de 40 horas semanais.

 

Lotação inicial

 

No último concurso os cargos estavam distribuídos tanto para o Tribunal de Justiça de Santa Catarina, quanto para as comarcas do estado. O que é um grande benefício, pois o candidato pode escolher a região onde quer trabalhar.

O candidato deveria, portanto, fazer a opção pelo pólo de trabalho a que queria concorrer na hora da inscrição.

 

Como é o trabalho?

 

Segundo é descrito no último edital, as atribuições para o cargo de Analista Administrativo incluem: “planejamento, organização, coordenação, supervisão técnica, estudo, pesquisa, elaboração de laudos, pareceres ou informações e execução de tarefas de elevado grau de complexidade, relativas às áreas da Administração, Economia, Contabilidade e Direito, a fim de fornecer suporte administrativo aos órgãos do Tribunal de Justiça e da Justiça de Primeiro Grau, relacionado a recursos humanos, material e patrimônio, licitações e contratos, orçamento e finanças, controle interno e auditoria, segurança e transporte e outras atividades complementares de apoio administrativo”.

Já as atribuições para o cargo de Técnico Judiciário Auxiliar são: “Atividades relacionadas com serviços de organização, execução e controle de serviços técnico-administrativos”.

 

Há especificidades da carreira?

 

Para o cargo de Técnico Judiciário Auxiliar é exigido apenas o diploma de Nível Médio, já para todos os outros cargos é exigido diploma de Nível Superior, em área de formação específica de acordo com o cargo.

Especificamente para o cargo de Analista Administrativo, que também foi anunciada a abertura de vagas, é preciso ter formação em alguma das áreas de: Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas ou Direito.

Informações sobre o concurso do Tribunal de Justiça de Santa Catarina 2018 e análise do edital passado

 

Veja abaixo algumas informações sobre o próximo concurso e também uma análise do último edital:

 

Análise das vagas

 

Embora o número de vagas para o próximo concurso ainda não tenha sido estipulado, já se sabe que o concurso trará vagas para os cargos de Analista Administrativo e Técnico Judiciário Auxiliar.

No último concurso foram ofertadas 32 vagas, distribuídas entre: 16 vagas para o cargo de Técnico e as outras para os cargos de Nível Superior ofertados, sendo elas: Analista Administrativo (06), Analista de Sistemas (4), Assistente Social (1), Médico (1), Odontólogo (2) e Psicólogo (2).

Apesar de a concorrência ter sido bastante grande, a boa notícia é que o concurso convocou mais candidatos do que o previsto pelas vagas iniciais.

Para alguns dos cargos as vagas estavam disponíveis apenas no Tribunal de Justiça de Santa Catarina, enquanto para outros, as vagas foram distribuídas por diversas regiões do estado.

Para consultar o número de candidatos por vaga específico para cada cargo, clique no link:

Para as duas carreiras mais almejadas, de Analista Administrativo e de Técnico Judiciário Auxiliar (em Florianópolis), foram convocados, respectivamente, 19 e 44 candidatos. Sendo que a oferta de vagas iniciais era de 06 e 03 vagas.

O que é uma boa notícia, pois o concurso sempre acaba convocando mais candidatos do que o divulgado para o edital.

 

Como é a prova?

 

A última avaliação foi composta apenas de prova objetiva para todos os cargos, o que também é bom, pois torna o processo muito menos cansativo para os candidatos.

Para o cargo de Técnico Judiciário Auxiliar a prova era composta de 70 questões, distribuídas da seguinte forma: 20 questões de Língua Portuguesa, 10 de Raciocínio Lógico-Matemático e 40 questões de Conhecimentos Específicos.

Sendo que a parte de Conhecimentos Específicos da prova foi composta de questões das disciplinas de Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Penal, Direito Processual Civil e Direito Processual Penal.

Já para os cargos de Nível Superior, a prova era composta de 70 questões, distribuídas da seguinte forma: 15 questões de Língua Portuguesa, 15 questões de Noções Direito e 40 questões de Conhecimentos Específicos.

Essa segunda parte da prova, de Conhecimentos Específicos, foi composta de questões de Administração Pública, Administração Geral e Contabilidade Pública.

 

Qual é a banca organizadora?

 

Assim como esse, o último concurso também foi realizado pela Fundação Getúlio Vargas, uma das mais conhecidas e renomadas bancas organizadoras do país.

Essa banca é conhecida por ser um tanto imprevisível em relação ao nível de dificuldade da prova. Por isso, é importante se preparar muito bem e estar pronto para enfrentar uma prova difícil, assim você não corre riscos!

E não se esqueça que também é muito importante estudar a prova do último concurso.

 

Concurso Tribunal de Justiça Santa Catarina 2018

 

Com a recente autorização deste concurso, os próximos passos são o estudo das vagas, a definição da banca e a preparação do cronograma.

Segundo a assessoria do Tribunal, a previsão é de que a seleção já tenha sido finalizada ao final da gestão atual, que acaba em 31 de janeiro de 2018.

Ou seja, a probabilidade é de que a prova ocorra já no segundo semestre!

Como me preparar para esse concurso?

 

A preparação é a parte mais importante da jornada até a aprovação em um concurso público. É preciso ter em mente que são horas e mais horas de estudos, leituras, exercícios e revisão. Para obter bons resultados, só com muita disciplina e foco.

O primeiro passo, é obter todas as informações sobre o concurso (prazos, disciplinas pedidas, banca examinadora, etc) lendo com muita atenção o edital. Depois, é fundamental planejar seus estudos da forma que melhor funcione com você.

 

Para lhe ajudar nesse caminho, temos o post como montar um cronograma de estudos perfeito para sua rotina.

 

Quais as melhores técnicas para estudar?

 

Há diversas técnicas que podem potencializar seu aprendizado, como a pomodoro e a de ciclo de estudos. Você também pode estudar com flash cards ou mapas mentais. O ideal é experimentar cada uma delas e ver com qual se adapta melhor.

 

Para lhe ajudar na escolha, reunimos todas as informações no post com as 16 melhores técnicas e métodos de estudos para concursos públicos.

 

Como estudar por questões?

 

De todas as técnicas, a mais utilizada pelos concurseiros é, com certeza, a de estudo por questões. O método ajuda revisar a matéria e fixar o conteúdo. Com isso, também torna o estudo mais efetivo e acelera a aprovação!

Para saber mais, acesse o post completo que fizemos sobre o assunto.

 

Como passar no concurso do TJSC mais rápido?

 

Passar em um concurso não é tarefa fácil.

Conquistar a tão sonhada vaga exige disciplina, motivação, técnica e horas de estudo.

Muitos desanimam no caminho e só alguns poucos guerreiros conseguem vencer essa batalha.

Mas, é importante que você saiba que se você quer passar mais rapidamente em qualquer concurso, você precisa aprender a descobrir o que estudar, quando estudar, como estudar e como fazer as provas.

Fizemos um artigo especial tratando exatamente  sobre como passar em concursos públicos, veja:

 

O concurso do Tribunal de Justiça é para mim?

 

Quer ter certeza que esse concurso é para você? Veja nosso checklist abaixo:

  • Você já está estudando essas matérias para este ou outro concurso ou tem disponibilidade e empenho para estudar e prestar a prova no segundo semestre?
  • Você está preparado para enfrentar a concorrência?
  • Você tem interesse em morar em Santa Catarina ou já mora neste estado?
  • Você se interessa pela carreira de Técnico ou Analista do Tribunal de Justiça?
  • Você deseja estabilidade financeira e um bom salário?

Bom, se você acha que este é o seu concurso, não perca tempo e comece a estudar o mais rápido possível, pois a concorrência é grande.

No entanto, as carreiras são muito atrativas e quem é aprovado garante que todo o esforço vale a pena!

 

 

Veja aqui um vídeo resumido sobre o assunto

 

 

Aproveite também para seguir o Próximos Concursos nas redes sociais:  Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.  Por lá você vai encontrar tudo sobre o universo concurseiro, discussões de qualidade, troca de experiências e dicas imbatíveis.

 

E lembre-se: conte com a gente na caminhada até a aprovação!

 

Bons estudos!

 

Planilha de Estudos

Planilha de Estudos

Com essa planilha você vai poder calcular automaticamente seu tempo ideal de estudos.

Ela foi criada com base no Método PQF para calcular o quanto você tem que estudar, levando em conta o peso de cada matéria, quantidade de horas necessárias e facilidade que você tem sobre cada uma.

Parabéns! agora você tem acesso a Planilha de Estudos!