proximos concursos

Concurso Nacional Unificado: São 6.640 vagas! Provas em Maio

Concurso Fernandópolis SP

O Concurso Nacional Unificado está movimentando o universo concurseiro, não é mesmo?

 

As inscrições foram encerradas no último dia 09 e trouxemos pra você os números desse concurso histórico!

Dá só um olhada…

Foram registradas 2.144.435 incrições!

É de ficar impressionado, não é mesmo?

 

Agora, você deve estar se perguntando: como navegar nesse mar de concorrência?

 

Minha sugestão: não deixe que o número alto te intimide.

Sim, o volume é grande, mas cada candidato é único e está batalhando por um lugar ao sol.

O que realmente importa é manter o foco na própria preparação. Dar o meu melhor, dia após dia, é o mantra que você deve repetir. Se eu fosse me preocupar com concorrência, não teria passado em nenhum concurso, e já passei em vários. Então, foco no SEU MELHOR!

Pare por um momento e pense: a cada tic-tac do relógio, mais sonhos eram lançados na grande caçada por uma oportunidade de ouro no serviço público.

Por isso, te convido a transformar essa competição em um palco para mostrar o nosso valor e dedicar cada dia a ser a melhor versão de nós mesmos.

Isso não é apenas sobre passar em um concurso, é sobre estabelecer um novo patamar para nossas vidas. Estamos nessa juntos!

 

Veja parcial por bloco temático

 

Bloco 1 – Infraestrutura, Exatas e Engenharias 

121.838 inscritos

Bloco 2 – Tecnologia, Dados e Informação 

77.943 inscritos

Bloco 3 – Ambiental, Agrário e Biológicas 

102.922 inscritos

Bloco 4 – Trabalho e Saúde do Servidor 

336.284 inscritos

Bloco 5 – Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos 

300.766 inscritos

Bloco 6 – Setores Econômicos e Regulação 

74.283 inscritos

Bloco 7 – Gestão Governamental e Administração Pública 

429.370 inscritos

Bloco 8 – Nível Intermediário (médio e técnico)

701.029 inscritos

 

 

Vagas:6.640 vagas

Cargos: Diversos cargos em diversas áreas

Formação: Níveis Médio, Técnico e Superior

Salário: De R$ 4.008,24 a R$ 22.921,71

Inscrições: De 19/01/2024 a 09/02/2024 (encerradas)

Taxa de inscrição: De R$ 60,00 a R$ 90,00

Provas: 05/05/2024

Banca: Cesgranrio

 

O que é o CNU?

 

O CNU – Concurso Nacional Unificado tem sido chamado de o “Enem dos Concursos públicos”, ele será realizado em uma única seleção abrangendo diversos órgãos federais.

 

Quais as vagas?

 

São 6.640 vagas distribuídas em 8 blocos temáticos:

 

  • Bloco 1 – Infraestrutura, Exatas e Engenharia – 727 vagas
  • Bloco 2 – Tecnologia, Dados e Informação – 597 vagas
  • Bloco 3 – Ambiental, Agrário e Biológicas – 530 vagas
  • Bloco 4 – Trabalho e Saúde do Servidor – 971 vagas
  • Bloco 5 – Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos – 1.016 vagas
  • Bloco 6 – Setores Econômicos e Regulação – 359 vagas
  • Bloco 7 – Gestão Governamental e Administração pública – 1.748 vagas
  • Bloco 8 – Nível Intermediário – 692 vagas

 

 

 

 

Qual o salário?

 

Os salários dos órgãos que estão participando do CNU são:

 

  • Administração e Finanças Públicas: Inicial de R$ 20.924,80, podendo chegar a R$ 29.832,94 com a progressão de carreira.
  • Setores Econômicos, Infraestrutura e Regulação: Inicial de R$ 7.615,80, podendo chegar a R$ 22.929,74 com a progressão de carreira.
  • Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário: Inicial de R$ 2.268,16, podendo chegar a R$ 20.376,24 com a progressão de carreira.
  • Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação: Inicial de R$ 4.365,81, podendo chegar a R$ 8.539,42 com a progressão de carreira.
  • Políticas Sociais, Justiça e Saúde: Inicial de R$ 2.220,09, podendo chegar a R$ 3.773,74 com a progressão de carreira.
  • Trabalho e Previdência: Inicial de R$ 5.901,37, podendo chegar a R$ 29.760,95 com a progressão de carreira.
  • Dados, Tecnologia e Informação: Inicial de R$ 4.821,47, podendo chegar a R$ 8.493,72 com a progressão de carreira.
  • Nível Intermediário (nível médio): Inicial de R$ 2.455,27, podendo chegar a R$ 3.985,52 com a progressão de carreira.

 

Quais as etapas?

 

Os candidatos serão avaliados através das seguintes etapas:

 

Bloco 1

 

I – Primeira Etapa

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas, para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

III – Terceira Etapa: destinada a Curso de Formação específico, de caráter classificatório e eliminatório, dos candidatos aos cargos Analista de Infraestrutura do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI e de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI; e dos candidatos ao cargo de Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL.

 

Bloco 2

 

I – Primeira Etapa

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da
Fundação Cesgranrio.

III – Terceira Etapa: destinada a Curso de Formação específico, de caráter classificatório e eliminatório, dos candidatos ao cargo de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI; e para o cargo de Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas será constituída de Prova Didática na forma de aula, de caráter classificatório.

 

Bloco 3

 

I – Primeira Etapa:

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

III – Terceira Etapa: destinada a Curso de Formação específico, de caráter classificatório e eliminatório, dos candidatos aos cargos Analista de Infraestrutura do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI e de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI; e para o cargo de Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas será constituída de Prova Didática na forma de aula, de caráter classificatório.

 

Bloco 4

 

I – Primeira Etapa:

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

III – Terceira Etapa: destinada a Curso de Formação específico, de caráter classificatório e eliminatório, dos candidatos cargo de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI; e de caráter eliminatório para candidatos ao cargo de Auditor-Fiscal do Trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego – MTE.

 

Bloco 5

 

I – Primeira Etapa:

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

III – Terceira Etapa: destinada a Curso de Formação específico, de caráter classificatório e eliminatório, dos candidatos ao cargo de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI; e para o cargo de Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas será constituída de Prova Didática na forma de aula, de caráter classificatório.

 

Bloco 6

 

I – Primeira Etapa:

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

III – Terceira Etapa: destinada a Curso de Formação específico, de caráter classificatório e eliminatório, dos candidatos aos cargos de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI, de Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL, de Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários da Agência Nacional de Transportes Aquaviários – ANTAQ, de Especialista em Regulação de Saúde Suplementar da Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS, de Analista de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços – MDIC.

 

Bloco 7

 

I – Primeira Etapa:

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

III – Terceira Etapa: destinada a Curso de Formação específico, de caráter classificatório e eliminatório, dos candidatos ao cargo de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI.

 

Bloco 8

 

I – Primeira Etapa:

a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e Redação, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

II – Segunda Etapa: destinada a Avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

 

Onde serão aplicadas as provas?

 

As provas serão aplicadas no dia 05 de maio em todas as Unidades da Federação, totalizando 220 cidades.

 

Concurso Nacional Unificado  Municípios
Região Norte 40 municípios
Região Nordeste 60 municípios
Região Centro-oeste 22 municípios
Região Sudeste 68 municípios
Região Sul 27 municípios

 

Quais os municípios?

 

Região Sul

  • Paraná: Cascavel, Curitiba, Guarapuava, Londrina, Maringá, Paranaguá, Ponta Grossa, Umuarama e São José dos Pinhais;
  • Rio Grande do Sul: Bagé, Caxias do Sul, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santo Ângelo, Uruguaiana e Farroupilha;
  • Santa Catarina: Caçador, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joinville, Lages e São José.

Região Sudeste

  • Espírito Santo: Cachoeira do Itapemirim, Colatina, São Mateus, Vitória, Vila Velha e Serra Velha;
  • Minas Gerais: Almenara, Araçuaí, Araxá, Belo Horizonte, Curvelo, Diamantina, Divinópolis, Governador Valadares, Ipatinga, Ituiutaba, Janaúba, Januária, Juiz de Fora, Lavras, Montes Claros, Muriaé, Paracatu, Passos, Patos de Minas, Pirapora, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Uberaba, Uberlândia, Betim e Contagem;
  • Rio de Janeiro: Cabo Frio, Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, Volta Redonda, Niterói, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, São Gonçalo, São João de Meriti e Belford Roxo;
  • São Paulo: Araçatuba, Bauru, Campinas, Itapeva, Marília, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba, Caçapava, Guarulhos, Hortolândia, Jacarei, Mauá, Mogi das Cruzes, Osasco, Paulinia, Santo Andrá, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Taboão da Serra, Valinhos e Vinhedo.

Região Centro-Oeste

  • Distrito Federal: Brasília;
  • Goiás: Catalão, Goianésia, Goiânia, Iporá, Itumbiara, Mineiros, Porangatu, Rio Verde e Aparecida de Goiânia;
  • Mato Grosso do Sul: Campo Grande, Corumbá, Dourados e Três Lagoas;
  • Mato Grosso: Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Cuiabá, Rondonópolis, Sinop, Tangará da Serra e Várzea Grande.

Região Nordeste

  • Alagoas: Arapiraca e Maceió;
  • Bahia: Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Brumado, Eunápolis, Feira de Santana, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Itaberaba, Jacobina, Jequié, Paulo Afonso, Ribeira do Pombal, Salvador, Teixeira de Freitas, Vitória da Conquista, Lauro de Freitas e Camaçari;
  • Ceará: Crateús, Fortaleza, Iguatu, Juazeiro do Norte, Quixadá, Sobral, Caucaia e Maracanau;
  • Maranhão: Bacabal, Balsas, Caxias, Chapadinha, Imperatriz, Pinheiro, Presidente Dutra, Santa Inês e São Luís;
  • Paraíba: Campina Grande, João Pessoa, Patos e Sousa;
  • Pernambuco: Caruaru, Garanhuns, Petrolina, Recife, Serra Talhada, Olinda e Jaboatão dos Guararapes;
  • Piauí: Bom Jesus, Corrente, Floriano, Parnaíba, Picos, São Raimundo Nonato e Teresina;
  • Rio Grande do Norte: Caicó, Mossoró, Parnamirim e Natal;
  • Sergipe: Aracaju e Itabaiana.

Região Norte

  • Acre: Cruzeiro do Sul e Rio Branco;
  • Rondônia: Ariquemes, Ji-Paraná, Porto Velho e Vilhena;
  • Roraima: Boa Vista; e Rorainópolis;
  • Amapá: Laranjal do Jari, Macapá e Oiapoque;
  • Tocantins: Araguaína, Gurupi e Palmas;
  • Amazonas: Coari, Itacoatiara, Lábrea, Manaus, Manicoré, Parintins, São Gabriel da Cachoeira, Tabatinga, e Tefé;
  • Pará: Altamira, Belém, Bragança, Breves, Cametá, Itaituba, Marabá, Monte Alegre, Oriximiná, Paragominas, Parauapebas, Redenção, Santana do Araguaia, Santarém, São Félix do Xingu, Tucuruí e Ananindeua.

 

Como serão as provas?

 

Turno matutino (2h30 de prova)

  • Nível superior: provas objetivas de conhecimentos gerais (20 questões) + prova discursiva de conhecimento específico do bloco;
  • Nível médio: provas objetivas (20 questões) + redação.

Turno vespertino (3h30 de prova)

  • Nível superior: provas objetivas de conhecimentos específicos (50 questões);
  • Nível médio: provas objetivas (40 questões).

 

Cronograma Completo

 

Cronograma completo

 

 

Acesse os editais completos:

 

Edital bloco temático 1 – Infraestrutura, Exatas e Engenharias

Edital bloco temático 2 – Tecnologia, Dados e Informação

Edital bloco temático 3 – Ambiental, Agrário e Biológicas

Edital bloco temático 4 – Trabalho e Saúde do Servidor

Edital bloco temático 5 – Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos

Edital bloco temático 6 – Setores Econômicos e Regulação

Edital bloco temático 7 – Gestão Governamental e Administração Pública

Edital bloco temático 8 – Nível Intermediário

 

 

 

Quais os melhores cursos para concursos?

 

Se você tem como investir tempo e dinheiro em um curso preparatório, é preciso pensar bem antes para escolher um que seja adequado às suas necessidades.

É sempre um diferencial apostar em um módulo específico para a sua área de atuação. Veja algumas opções realmente boas:

 

O Gran Cursos Online está muito bem avaliado.

Tem material completo com videoaulas, além de professores de primeira linha.

Se você quer um curso com bom histórico de aprovação, além da possibilidade de estudar para mais de um concurso, o Gran Cursos certamente é uma ótima opção.

 

Concursos EstratégiaO Estratégia Concursos tem ótimos índices de aprovação nos principais concursos do país, conta com um material de qualidade e professores renomados. Se você quer ter a certeza que está estudando pelo melhor material e não se importa em pagar pela qualidade, o Estratégia Concursos é certamente sua melhor opção.

 

Quer descontos nos cursos preparatórios? Nesse vídeo eu te digo como conseguir:

 

Curta nosso site no FacebookTwitterInstagram e Youtube!

Bons estudos!

 

Fique bem informado

Acompanhe o melhor canal com vídeos com dicas de estudos e notícias sobre concursos públicos.

plugins premium WordPress