Com a economia em um momento de incertezas, o mercado de trabalho sente o impacto na falta de vagas. Dessa forma, concursos acabam sendo uma opção muito atraente para diversas áreas. Uma delas é a de Fisioterapia! E se você pretende investir na carreira pública, precisa antes saber como  funciona esse universo. Por isso reunimos neste artigo Concurso Fisioterapia informações atualizadas sobre salários, benefícios, editais abertos e previstos, conteúdos relevantes e muito mais.

 

Confira o que você vai encontrar por aqui:

 

Carreiras: os tipos de vagas e o que cada uma delas exige.

Salários: os valores praticados em diferentes vagas e órgãos nos principais concursos.

Benefícios: tudo a que o candidato normalmente tem direito, além da remuneração fixa.

Lotações: onde os aprovados costumam desempenhar suas atividades.

Crescimento na carreira: as possibilidades de avançar cargos na função pública.

Como é o trabalho: as rotinas da função na carreira pública.

Periodicidade: de quanto em quanto tempo costumam sair editais para cada tipo de vaga.

Concursos: editais abertos e previstos.

Análise das vagas: números de candidato por vaga dos últimos concursos e provável quantidade de vagas para os próximos concursos.

Provas: as principais matérias para estudo.

Bancas: como é o estilo de prova das bancas examinadoras mais renomadas.

Como se preparar: dicas e técnicas que vão lhe ajudar a se sair bem nas provas.  

Melhores apostilas: quais os materiais mais completos para estudo.

Melhores cursos preparatórios: quais as melhores opções, para todos os bolsos.

Melhores técnicas para estudar: dicas e estratégias para potencializar os estudos.

Questões de concursos: a melhor maneira de turbinar seu aprendizado.

 

Carreiras – Concurso Fisioterapia

 

Em concursos, os profissionais da área de Fisioterapia podem concorrer a vagas na carreira acadêmica – em universidades estaduais e federais – ou para a saúde pública, no atendimento direto de pacientes – em postos ou hospitais.

Cada concurso tem exigências de acordo com a função escolhida.

Concursos para fisioterapeutas em carreira acadêmica, por exemplo, exigem, além da graduação, títulos de mestrado ou doutorado. Em alguns casos, títulos de pós-graduação, mesmo não sendo obrigatórios, podem servir como critério de desempate entre candidatos que obtiverem a mesma pontuação.

Já concursos com vagas técnicas na área ou para postos de saúde municipais não costumam pedir títulos além da graduação.  

 

Salários – Concurso Fisioterapia

 

Os salários de concursos para fisioterapeuta variam bastante e podem chegar até R$ 21 mil. As melhores oportunidades estão em provas como a do Senado Federal e das Forças Armadas.

No entanto, a maioria das vagas em concursos para fisioterapeutas estão em prefeituras do interior. Elas oferecem cargas horárias razoáveis, que variam de 20h a 40h por semana, e salários que vão até R$ 7 mil.

E para quem procura um concurso para uma vaga permanente no quadro de pessoal, os cargos técnicos administrativos para fisioterapeutas em universidades federais são uma boa pedida. A remuneração para os técnicos em Fisioterapia supera R$ 4 mil.

Já os concursos para professores das universidades federais e estaduais podem ter um salário de mais de R$ 8 mil, mas exigem uma titulação mais robusta (pós, mestrado ou doutorado).

 

Benefícios – Concurso Fisioterapia

 

No geral, os benefícios para quem faz concurso para fisioterapeuta incluem auxílio-alimentação e plano de saúde. No entanto, algumas vagas em universidades federais, por exemplo, também oferecem auxílio-creche e bônus (que vão depender do nível de qualificação do aprovado).

 

Lotações – Concurso Fisioterapia

 

Neste quesito, tudo depende do concurso que você escolher. Em concursos menores, para prefeituras ou em municípios do interior, os aprovados costumam ser alocados na cidade que abriu o edital.

Em concursos de órgãos maiores é mais comum que o aprovado seja alocado em outras cidades e regiões, onde há necessidade de mão de obra. No último concurso de fisioterapia das Forças Armadas, por exemplo, as vagas eram para Salvador, Belém, Ladário, Natal, Manaus e Brasília.

 

Crescimento na carreira – Concurso Fisioterapia 

 

A maior parte dos concursos de Fisioterapia não tem um plano de carreira definido. No entanto, quem pretende participar das provas de Fisioterapia para o Exército, Marinha ou Forças Armadas, pode contar com boas chances de crescimento profissional e, de quebra, salários bastante altos.

Isso porque na carreira militar você pode avançar cargos – de tenente oficial, por exemplo, para capitão, e depois para outros postos hierárquicos ainda mais altos. Para isso, é preciso muita dedicação, disciplina e, claro, aperfeiçoamento contínuo com os cursos propostos no regimento.

 

Como é o trabalho – Concurso Fisioterapia

 

O trabalho de um fisioterapeuta no serviço público não difere tanto assim da iniciativa privada. Para começar, normalmente as atividades são desempenhadas em um gabinete médico convencional. Ou seja, é uma função interna, que costuma ser muito tranquila e não envolve grandes riscos, até mesmo em órgãos militares.

As principais atribuições de um fisioterapeuta na carreira pública são a avaliação do estado de saúde de acidentados ou doentes, realização de testes de reflexo, provas de esforços e a execução de tratamentos.

Também é muito comum que os servidores que trabalham com Fisioterapia controlem registros de pacientes e atuem junto com a equipe de Comunicação para pensar em estratégias informativas relacionadas à área. No caso de concurso para fisioterapeuta do Exército, Marinha ou Forças Armadas, o aprovado precisa, ainda, cumprir deveres militares.

 

Periodicidade – Concursos Fisioterapia

 

Os editais para concursos de Fisioterapia costumam aparecer com alguma regularidade. No entanto, tudo vai depender do tipo de prova que você pretende fazer.

Concursos com cargos de técnico administrativo na área e para postos de saúde são lançados quase todos os meses. Basta ficar de olho e estar disposto a atuar em qualquer que seja o município.

No caso de concursos para cargos em universidades é um pouco mais complicado, porque as vagas dependem da falta de profissionais da instituição. Ou seja, na maioria das vezes é preciso que um professor se aposente (ou saia por outra razão qualquer) para que seja aberto um concurso a fim de preencher o lugar vago.  É comum, no entanto, haver concursos para a carreira acadêmica a cada dois anos (que é o período habitual de contratação de professores universitários substitutos).

Já o concurso de Fisioterapia das Forças Armadas tem uma constância na contratação de pessoal. Em geral, quase todos os anos sai um edital para complementar a equipe de saúde da instituição.

 

Concurso Fisioterapia – Previstos

 

Quem está esperando por boas oportunidades e remunerações atraentes deve conferir com frequência a lista com os concursos de Fisioterapia previstos para os próximos meses. É a chance de começar a se preparar e se destacar da concorrência! Veja quais estão previstos:

 

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

 

Uma das grandes apostas para os próximos meses é o concurso do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), principalmente na área de Fisioterapia. O maior atrativo deste concurso é o salário, que na última edição variou entre R$ 10,6 mil e R$ 13 mil. A instituição também oferece plano de saúde, assistência educacional para filhos e plano de previdência complementar.

 

Senado Federal

 

Anunciado no final de 2016, a prova do Senado Federal reservará vagas de fisioterapeutas, farmacêuticos, psicólogos, enfermeiros, médicos e nutricionistas. O salário é um dos maiores atrativos, podendo chegar a mais de R$ 21 mil.

Para participar da prova, basta apresentar um diploma de nível superior da área em que você pretende atuar no Senado. O diploma deve ser emitido por uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e não é exigida pós-graduação.

Clique aqui para conferir o edital do último concurso do Senado Federal, realizado em 2012.

 

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)

 

A prova da ANS é uma das mais esperadas por quem quer um concurso de Fisioterapia. Com mais de 230 vagas, sendo 140 delas apenas para profissionais de saúde, o concurso se mostra uma grande oportunidade.

A estimativa é que o edital saia ainda no segundo semestre de 2017. O salário inicial pode chegar a R$ 12 mil, com uma jornada de trabalho de 40h semanais.

O número de vagas para cada cargo ainda não foi divulgado, mas serão em torno de 70, divididas entre especialidades como Fisioterapia, Psicologia, Nutrição, Odontologia, Enfermagem, Medicina e Nutrição.

Confira o edital do último concurso da Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS), realizado em 2013.

E aproveite também para saber tudo que você precisa para passar no concurso da ANS.

 

Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH)

 

Um dos maiores concursos para fisioterapeutas e outros profissionais da Saúde, a prova do Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) é referência na hora de estudar para concursos da área.

Para os próximos meses, a instituição já divulgou a abertura de três novos concursos, com 800 vagas nas áreas Administrativa, Assistencial e Médica.

A EBSERH é, de fato, conhecida por lançar editais de concurso regularmente, oferecendo oportunidades constantes. O último concurso para fisioterapeutas, em 2016, teve remuneração para o cargo de até R$ 8 mil.

Confira o edital do último concurso da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), realizado em 2016.

Aproveite também para saber como passar mais rápido na prova da EBSERH!

 

Ministério da Saúde

 

No último concurso realizado pelo Ministério da Saúde foram ofertadas mais de 100 vagas para o cargo de Analista Especializado em diversas áreas da Saúde.

Profissionais que esperam alguma ascensão profissional podem ter no concurso do Ministério uma grande oportunidade. O salário dos analistas ultrapassa os R$ 6 mil, com direito a auxílio-alimentação.

Ainda não foi anunciado o número de vagas e nem os cargos que serão ocupados, porém, sabe-se que há uma demanda enorme de profissionais em hospitais federais.

Confira o edital do último concurso do Ministério da Saúde, realizado em 2016.

Para acompanhar todas as novidades e ficar por dentro dos concursos previstos, por localização e área de atuação, acesse periodicamente a aba do nosso site sobre o assunto.  

 

Divergências entre o edital e a legislação

 

Muitos editais não cumprem a legislação aplicável a Fisioterapeutas, como a carga horária ou piso salarial. Caso você perceba divergências entre o edital e as normas da carreira a recomendação é: tome posse no cargo e depois com o auxílio do sindicato de CREFITO tentar aplicar a legislação.

 

Análise de vagas – Concurso Fisioterapia

 

Não é comum que os concursos para fisioterapeutas tenham mais que 10 vagas, o que torna a disputa ainda mais acirrada e faz com que o candidato tenha que estar muito bem preparado para conseguir a aprovação.

Mas, nada de pânico! É preciso investir tempo em um estudo eficiente, focando nas matérias mais cobradas durante as provas específicas. Além disso, tenha em mente que apenas 10% de seus concorrentes estudam para a prova. Ou seja, mesmo com o número baixo de vagas, é muito fácil se destacar da concorrência.

Uma dica é começar a fazer concursos de Fisioterapia menos concorridos, para prefeituras do interior. Dessa maneira, você ganha alguma experiência e mais confiança na hora de encarar desafios maiores.

 

Provas – Concurso Fisioterapia 

 

Os concursos para fisioterapeutas exigem, sobretudo, uma revisão de tudo que você viu durante a graduação. Isso porque, além das matérias básicas que costumam cair na maioria dos concursos, as provas exigem conhecimentos específicos da área.

No geral, as provas são divididas em:

  • Língua Portuguesa
  • Conhecimentos Gerais
  • Raciocínio Lógico*
  • Língua Inglesa*
  • Conhecimentos Específicos

Língua Portuguesa, Atualidades e Conhecimentos Específicos são comuns a todos os concursos da área. Por isso, é importante que estejam sempre no seu cronograma de estudos.

No entanto, tenha em mente que Conhecimentos Específicos é a disciplina que recebe maior pontuação na prova. Sendo assim, seus esforços devem estar quase que exclusivamente na revisão do material que você já viu na graduação, mas pode não lembrar.

Dentro de Conhecimentos Específicos, os temas mais pedidos nas provas são Fisioterapia em Traumatologia e Fisioterapia Respiratória. Esses dois assuntos juntos somam quase 50% da maioria das provas.

Além dessas temáticas, você deve estudar:

  • Fisioterapia Neurofuncional
  • Fisioterapia na Saúde do Trabalhador
  • Fisioterapia em Terapia Intensiva
  • Fisioterapia em Pediatria e Neonatologia
  • Fisioterapia Uroginecológica
  • Fisioterapia Aquática
  • Fisioterapia Geral
  • Análise e Tratamento no Sistema Locomotor
  • Legislação Profissional
  • Fisioterapia Dermatofuncional
  • Semiologia Fisioterapêutica

*Nem todos os concursos da área incluem essas matérias básicas, porém, Senado Federal e BNDES as cobram.

 

Bancas examinadoras – Concurso Fisioterapia

 

Cada banca examinadora tem suas particularidades – e até armadilhas! Por isso, é muito importante conhecer a banca responsável pela prova do concurso que você vai participar a fim de direcionar melhor seus estudos e torná-los mais eficientes.

Reunimos aqui um resumo sobre as bancas examinadoras mais importantes, que normalmente estão a cargo dos maiores e mais disputados concursos do país.

Vale lembrar que concursos para prefeituras do interior costumam ter bancas examinadoras menores. Dessa forma, é interessante também conhecê-las, buscar suas provas anteriores e se preparar de acordo.

 

FGV

 

A Fundação Getúlio Vargas (FGV) é uma das bancas examinadoras mais difíceis do país. As últimas provas de concursos do Senado Federal foram produzidas pela FGV e também a próxima será feita pela instituição. Igualmente, o Exército, a Marinha e até as Forças Armadas (quando não utilizam a banca própria, chamada AFA), recorrem à FGV.

Por isso, se você pretende fazer o concurso de Fisioterapia para algum desses órgãos, estude com afinco as últimas provas realizadas pela banca. Dessa forma, terá um exemplo mais claro de como são aplicadas e poderá se preparar melhor.

E fique atento: a ideia de que as provas da FGV têm um nível mais elevado que as outras bancas é verdade.

De qualquer maneira, apesar de mais complicada, não é nenhum bicho de sete cabeças. Estude bastante, leia as provas antigas, destrinche os modelos de questões e, com certeza, você conseguirá se sair bem.

 

Cespe/UnB

 

É também considerada uma banca difícil, porém em um nível menor que a FGV. De qualquer maneira, a Cespe/UnB é famosa por organizar alguns dos principais concursos federais.

A maior dificuldade da Cespe é seu método de avaliação, que exige que o candidato esteja ainda mais seguro das respostas. Ela avalia as questões de acordo com a premissa de que uma questão errada anula uma certa. Ou seja, se você acertou duas questões, mas errou duas, sua pontuação é quase nula.

Por isso, todo cuidado é pouco!

 

Idecan

 

Concursos como os do EBSERH e do Ministério da Saúde já foram organizados pela banca do  Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan). A principal característica dessa banca é seu estilo direto de desenvolver a prova, com enunciados curtos e respostas mais elaboradas, que pedem muito cuidado com os mínimos detalhes.

Para quem pretende participar do próximo concurso do Ministério da Saúde, saiba que será  novamente organizado pelo Idecan.

 

Como se preparar – Concurso Fisioterapia

 

Com certeza, a preparação é a parte mais importante da jornada até a aprovação em um concurso público. São muitas horas de estudos, leituras e simulados, e é preciso disciplina e foco. Todo esforço será recompensado quando você passar para a tão almejada vaga.

Até lá, é mão na massa!

O primeiro passo, como já dissemos, é esmiuçar o concurso (prazos, disciplinas pedidas, banca examinadora, etc). Depois disso, é preciso montar um cronograma de estudos e, claro, descobrir o que funciona melhor com você. Há pessoas que obtêm ótimos resultados estudando sozinhas,  outras precisam de ajuda  e escolhem investir em um curso preparatório.

 

Melhores apostilas – Concurso Fisioterapia

 

Se você optou por estudar sozinho – por funcionar melhor nesse modelo ou por não ter como investir financeiramente em um curso preparatório -, as apostilas serão suas melhores amigas. Por isso, é fundamental saber quais as mais conceituadas disponíveis no mercado.

Uma das mais completas é do Estratégia Concursos, que é também um dos melhores (se não o melhor!) cursos do país. A apostila do Estratégia é direcionada para concursos de Fisioterapia, em formato PDF, e contém toda a teoria solicitada, além de análises dos editais. E melhor: você pode testar o acesso por 30 dias! Caso não goste, recebe 100% do valor investido de volta.

Outra ótima opção é o Gran Concursos. Igualmente, tem material vasto para download, totalmente direcionado para a área de Fisioterapia, e a opção de teste por 30 dias com possibilidade de estorno integral. No Gran você ainda pode contratar um plano de assinatura que dá acesso a todos os mais de 7 mil cursos disponíveis na plataforma.

Muitas pessoas acreditam que estudar por apostila não é tão efetivo, mas as que indicamos aqui são realmente boas e, claro, tudo vai depender do quanto você se dedicar aos estudos. Pode ser um desafio ainda maior, mas é possível ser aprovado estudando por apostilas!

Confira também nosso post completo sobre as melhores apostilas para concursos.

 

Melhores cursos preparatórios – Concurso Fisioterapia

 

Com um volume expressivo de materiais para leitura e exercícios para simulados, às vezes é muito difícil saber por onde começar ou como se organizar. E os estudos podem virar uma grande confusão, sem efetividade. Por isso, se você tem tempo e dinheiro disponíveis para investir, um curso preparatório é a melhor opção.

O mais conhecido entre os concurseiros é o Estratégia Concursos, que tem ótimos índices de aprovação nos principais concursos do país. Isso porque conta com um material de alta qualidade e uma equipe de professores renomados na área.

O Gran Concursos também está muito bem avaliado. Da mesma forma, tem material completo, com vídeo-aulas, e professores de primeira linha.

Veja o ranking completo com os melhores cursos preparatórios para concursos.

 

Melhores técnicas para estudar 

 

Há técnicas famosas, como a pomodoro e a de ciclo de estudos. Você também pode estudar com flash cards ou mapas mentais. O ideal é experimentar cada uma delas e ver com qual se adapta melhor.

No Próximos Concursos há uma aba com tudo que você precisa saber sobre sobre dicas, técnicas e cronogramas. Não deixe de acessar!

 

Questões de concurso Fisioterapia

 

De todas a técnicas, a mais utilizada pelos concurseiros é, com certeza, a de estudo por questões. O método ajuda a reter a informações e revisar a matéria, turbinando o aprendizado e acelerando a caminhada até a aprovação. Alguns cursinhos preparatórios oferecem material com questões comentadas pelos professores, o que facilita ainda mais.

Para saber tudo sobre a técnica e começar a aplicá-la nos seus estudos, acesse o post especial que fizemos sobre o assunto aqui no Próximos Concursos.

 

Agora que você já sabe tudo sobre concurso de Fisioterapia, que tal dar uma conferida no post sobre cursos preparatórios que podem turbinar seus estudos?

E lembre-se: foco e disciplina. A tão aguardada aprovação depende do seu esforço. E o Próximos Concursos está aqui para lhe ajudar na concretização desse sonho. Conte com a gente!

Bons estudos!

[Total: 1    Média: 5/5]